Polícia Civil prende 30 pessoas por tráfico de drogas em Rondônia

Polícia Civil prende 30 pessoas por tráfico de drogas em Rondônia

A Polícia Civil deflagrou na terça-feira (5) mais uma fase da Operação Shark. Até agora, 30 pessoas foram presas por tráfico de drogas em municípios da região central de Rondônia. Os nomes dos suspeitos não foram divulgados.

Segundo informações da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Ji-paraná, as prisões foram feitas por causa de uma investigação iniciada há três meses, com o recebimento de uma denúncia anônima.

Após diligências realizadas nas últimas semanas, o Serviço de Investigação e Capturas (SEVIC) descobriu uma organização criminosa que comercializava entorpecentes na região central do estado, como em Ji-Paraná e Ouro Preto do Oeste.

Até a tarde de terça-feira, a Polícia Civil diz que cumpriu:

28 mandados de busca e apreensão

24 prisões temporárias

6 prisões em flagrante por tráfico de drogas

duas internações de menores por envolvimento com a quadrilha

sequestro de dois imóveis utilizados para vender drogas

apreensão de um quilo de cocaína e dois revólveres calibre 38

A investigação também teve o apoio do Ministério Público do estado. A partir de agora, a Polícia Civil tem 30 dias para concluir o inquérito e apresentar ao MP. A operação tem o nome de Shark, pois um dos suspeitos comercializava peixe.

Essa é a segunda fase da Operação Shark, que teve início em agosto deste ano. Na primeira fase foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão.

Fonte: G1 Ji-Paraná e Região Central
Publicada em 06 de novembro de 2019 às 10:23

 

Leia Também

Caminhões que transportavam madeira ilegal são apreendidos pela PRF em Rondônia

Cada veículo transportava 20 metros cúbicos de madeira. Segundo PRF, madeira foi retirada do assentamento agrícola Joana D´Arc.

Jovem de 21 anos é esfaqueado em Porto Velho; ele diz que foi atacado por ser gay

O suspeito, que foi identificado pela vítima apenas como Afonso, ainda não foi encontrado pela polícia

Morre estudante que matou 2 e feriu 3 em escola da Califórnia

Polícia de Los Angeles informou que jovem de 16 anos, internado desde o ataque, depois de atirar na própria cabeça, não resistiu

Carro-Bomba: Ataque mata 14 pessoas no nordeste da Síria

Cidade de Al-Bab era antigo reduto do Estado Islâmico, mas foi tomada por forças turcas há dois anos

Envie seu Comentário