Homem se entrega e confessa que matou irmão a golpes de marreta

Homem se entrega e confessa que matou irmão a golpes de marreta

Valmir Dalcortivo, 50 anos, se entregou na Unisp da Leste e, segundo a polícia,  confessou que matou o irmão,  Valdecir Dalcortivo, 49 anos, com dois golpes de marreta,  na noite da última sexta-feira (06) e  enterrou o corpo na fossa de uma residência localizada na Linha 17 da estrada da Coca- Cola, região rural de Porto Velho.

Em depoimento, Valmir  disse que a vítima era uma pessoa muito agressiva e tinha um histórico de abusar de crianças, filhas de vizinhos.

Na  noite de sexta-feira (06), ambos se desentenderam e Valmir disse estar  a par dos supostos crimes que Valdecir teria cometido.

Ainda segundo o depoimento, Valdecir se armou com uma marreta e tentou atacar o irmão. Os dois entraram em luta corporal e Valmir conseguiu tomar a marreta. Ele desferiu dois golpes contra a cabeça de Valdecir.

Vendo que o irmão estava morto,  ele jogou o corpo em uma fossa,  enterrou e depois lacrou o buraco com uma tampa de cimento.

Na tarde de segunda-feira (09), ele tomou coragem e se entregou na Unisp Leste.

Os policiais receberam a informação e o suspeito levou os militares até o sítio onde ocorreu o crime.

Uma equipe da Delegacia de Crimes Contra a Vida acompanhou  os trabalhos periciais e o corpo foi removido pelo rabecão e levado  para o Instituto Médico Legal. Valmir foi conduzido  para a Delegacia de Homicídios, ouvido pelo delegado e liberado para que responda em liberdade.

 

Fonte: Tudorondonia
Publicada em 10 de setembro de 2019 às 10:09

 

Leia Também

Menina de 11 anos é mantida em cárcere privado e obrigada a se prostituir e vender drogas

A vítima relatou que a suspeita a obrigou a entrar em um veículo e a levou para Confresa, onde, mediante a ameaças, a mantinha em cárcere privado.

Homem é morto em via pública na zona Sul da Capital

Uma equipe do Samu ainda foi acionada, mas quando chegou ao local o homem já estava morto.

PF deflagra Operação Polígrafo para desarticular esquemas de fraudes na aquisição de testes rápidos da Covid-19 na Sesau

O valor total da contratação investigada chega a R$ 10.500.000,00 (dez milhões e quinhentos mil reais). 

PF cumpre mandados de busca apreensão em Porto Velho, São Miguel do Guaporé e Guajará-Mirim no combate ao Covid-19

A ação decorre de mais um trabalho conjunto entre a Polícia Federal, Controladoria-Geral da União e Ministério Público Federal, que resultou no cumprimento de 10 (dez) mandados de busca e apreensão

Envie seu Comentário