Combate à corrupção e ao crime organizado ganha força na nova diretoria da Polícia Civil

Combate à corrupção e ao crime organizado ganha força na nova diretoria da Polícia Civil

Ações de combate ao crime organizado, lavagem de capital, crimes contra a administração pública e, principalmente, contra a corrupção – uma das principais bandeiras do atual governo – serão impulsionadas pela Polícia Civil sendo que as primeiras medidas já começam a ser traçadas.

As questões ganharam novamente notoriedade na tarde de quinta-feira, 10, quando o governador de Rondônia, Coronel Marcos Rocha, deu posse ao novo diretor-geral da Polícia Civil, delegado Samir Fouad Abboud, juntamente com a adjunta, delegada Alessandra Marcela Paraguassu Gomes, do corregedor da Polícia Civil, delegado Ronicir Manfroi, além da posse do superintendente estadual de Patrimônio e Regularização Fundiária, Constantino Erwen Gomes Souza.

Realizada no salão nobre Rosilda Shockness, a solenidade de posse contou com a presença de autoridades civis e militares, dentre as quais a secretária de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social e primeira-dama, Luana Rocha, do vice-governador Jose Atílio Salazar Martins (José Jodan), do secretário da Sesdec, José Hélio Pachá, do comandante da 17ª BIS, general José Eduardo Leal, e outras autoridades.

Ao tecer comentários acerca da escolha do delegado Samir para comandar a Polícia Civil de Rondônia, o governador Marcos Rocha destacou tratar-se de um delegado de respeitado e honrado com larga experiência na polícia. “Estamos montando uma equipe de forma livre, sem interferências. É bom saber que o delegado Samir foi o escolhido pela própria categoria por se tratar de um homem íntegro, decente, trabalhador e honrado. Não tenho dúvida que a Polícia Civil do Estado de Rondônia vai se desenvolver ainda mais com ele à frente acompanhado e, inclusive, trabalhando em parceria com a Sesdec, na pessoa do coronel Pachá,  para fazer com que o Estado seja mais justo e que a nossa sociedade tenha a chance de ter uma segurança adequada”, enfatizou o governador que também antecipou a criação uma superintendência de inteligência voltada não só para verificar a questão da corrupção, mas, também contra crimes com apoio de outras agência de inteligência do país.

Ao mesmo tempo que destacou a posse do delegado da Polícia Civil, o governador Marcos Rocha também ressaltou a importância da posse do superintendente estadual de Patrimônio e Regularização Fundiária, Constantino Erwen Gomes Souza. “Estamos no caminho certo. As coisas estão fluindo bem e parabenizo a todos empossados nessa data. Que todos juntos possamos fazer aquilo que venho pregando desde a candidatura que é fazer o que é certo sempre o certo e falar a verdade”, argumentou.

Ao falar da nova missão, o delegado Samir Fouad afirmou que vai encarar com naturalidade e não vê como desafio e sim a honra de estar à frente da Polícia Civil. Ele agradeceu o fato de ser o primeiro diretor escolhido após uma lista tríplice com a confiança da categoria. “A missão será cumprida. Daremos uma resposta à sociedade com nossos trabalhos em combate à criminalidade, à corrupção e à lavagem de capital. As ações contra os crimes contra a vida e contra o patrimônio também serão prioridades”, disse o novo diretor-geral da Polícia Civil, reforçando o coro que se transformou em metas tanto do governo Federal quando do Estadual que é agir com rigor contra a corrupção.

 

CURRÍCULO:

Delegado de Polícia Classe Especial – Samir Fouad Abboud – 31 anos de carreira.

Natural de Uberaba/SP, chegou em Rondônia em 1987. Tomou posse no cargo de Delegado de Polícia em 11/11/1987. Nesses 31 anos de atividade policial, ocupou vários cargos na atividade fim e também na gestão da instituição.

Começou sua carreira no interior, tendo titularizado nas unidades policiais de Santa Luzia D’Oeste, Alvorada D’Oeste, Jaru e 2ª DP de Ariquemes. Na capital atuou no 3º DP e 5º DP e na Delegacia Especializada em Crimes Funcionais.

No ano de 2007 assumiu o GAF/PC, posteriormente foi Diretor do DPI, DPE, respectivamente. Nesse período assumiu interinamente a Direção Geral em várias ocasiões. Exerceu ainda, em 2015, a função de Secretário Executivo do Consulpol.

Em 2016 assumiu o cargo de Corregedor Geral da Polícia Civil, tendo pedido exoneração do cargo em respeito à classe, ainda naquele ano.

Em 2017 assumiu o Depom e permaneceu até maio de 2018, quando assumiu a função de Secretário Adjunto de Segurança Pública – Sesdec

Fonte: Secom - Governo de Rondônia
Publicada em 11 de janeiro de 2019 às 14:43

 

Leia Também

Diretoria dos Progressistas se reúne em Porto Velho para definir planejamento estratégico de 2019

No planejamento está a retomada dos cursos gratuitos para a população

Prefeitura de Ji-Paraná modifica semáforo para aumentar a segurança no trânsito

A mudança é necessária, pois é uma reivindicação antiga da população

Assembleia Legislativa inaugura nova e moderna sede na terça-feira

Solenidade será conduzida pelo presidente da ALE, Maurão de Carvalho

Com apoio da iniciativa privada, Prefeitura fará projeto paisagístico no viaduto da Jatuarana

Além da iluminação, local ficará ainda mais bonito com plantas e árvores floríferas

Envie seu Comentário