Vilhena e Porto Velho dominam os focos de queimadas em Rondônia

Vilhena e Porto Velho dominam os focos de queimadas em Rondônia

De acordo com dados do satélite do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) Rondônia possui 135 focos de queimadas, a maioria deles em Vilhena (27 focos) e Porto Velho (20 focos). Os focos estão espalhados por outros 20 municípios das cinco regiões do Estado. Com esses índices, Porto Velho e Vilhena estão no ranking das 30 cidades do país com maiores números de focos de queimadas do País.

O Plano de Gestão Ambiental de Prevenção e Combate às Queimadas e Incêndios Florestais em Rondônia foi lançado em abril pelo Governo do Estado e irá focar na promoção educativa, na educação ambiental e a conscientização de prevenção à queimadas, através de parcerias entre vários órgãos como Defesa Civil, Sedam, Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros Militar e Prevfogo.

Cada instituição vai realizar ações específicas para atividades de curto, médio e longo prazo, com prioridade aos municípios de maior incidência de focos de calor, que são: Porto Velho, Nova Mamoré, Candeias do Jamari, Machadinho do Oeste, Buritis e Cujubim, que correspondem a 69% da área desmatada no Estado.

Fonte: VIA RONDÔNIA
Publicada em 19 de junho de 2019 às 14:27

 

Leia Também

Através do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública projeto visa combater crimes organizados na região Norte

Governador Marcos Rocha destacou a importância do Centro Norte para a segurança Pública

Pagamento dos servidores públicos do estado de Rondônia será no dia 20

O aquecimento com o pagamento da folha é de aproximadamente R$ 277 milhões

Sepog divulga PIB dos municípios rondoniense em 2017

Porto Velho, Ji-Paraná, Vilhena, Ariquemes, Cacoal, Jaru, Rolim de Moura, Pimenta Bueno, Guajará-Mirim e Ouro Preto do Oeste aparecem como as principais economias dentre os municípios

´´Brasil está no caminho de um futuro tóxico´´diz relator da ONU

Depois de tentar por cinco anos visitar o Brasil, enviado apontou problemas de transparência, legislação e punição para crimes ambientais

Envie seu Comentário