Pedagoga cacoalense fala da importância da Unesc na realização de seus sonhos

Pedagoga cacoalense fala da importância da Unesc na realização de seus sonhos

A Unesc tem um lugarzinho especial na vida de Ana Maria Barbam Montani. Aos 46 anos de idade, ela se formou em Pedagogia e de lá pra cá vem realizando diversos sonhos profissionais em Cacoal. Atualmente, a pedagoga faz parte do Programa Mais Alfabetização e é a responsável, na Escola Municipal Agustinho Goes, por contribuir com a alfabetização de dezenas de alunos do 2º ano do Ensino Fundamental, com idades entre 7 e 8 anos.

Mas os sonhos da professora Ana Maria não param por aí! Ela agora se prepara, através de uma pós-graduação em Psicopedagogia, para realizar mais um sonho: trabalhar com crianças especiais. “Esta é uma área carente de profissionais capacitados e eu sinto que posso fazer a diferença, tenho vontade e sonho com isso, então estou me preparando para realizar mais este sonho”, destaca.

E a importância da Unesc na vida de Ana Maria vão muito além da Pedagogia. Na tarde desta terça-feira (10), ela esteve na instituição para viver mais um momento de grande emoção! A pedagoga testemunhou o seu filho colar grau no curso de Direito. Aos 25 anos, Arthur Simão Montani obteve, com êxito, o diploma de graduação em um dos principais cursos oferecidos pela Unesc.

Fonte: Assessoria
Publicada em 11 de setembro de 2019 às 15:30

 

Leia Também

Governo de Rondônia realiza 1º leilão virtual de veículos no próximo dia 25

172 lotes com variação entre R$ 10 (dez reais) e R$ 20 mil (vinte mil reais).

Governo de Rondônia apresenta plano de retomada ao turismo no Estado

Para divulgá-lo, a Superintendência Estadual de Turismo (Setur) se reunirá com autoridades e agentes dos municípios de Cacoal

Governo de Rondônia estuda reajuste da tarifa do transporte intermunicipal

Segundo nota técnica, a concessão utilizará os índices até os meses de maio e junho de 2020 e se fundamentará em análises do Departamento de Estradas de Rodagem

Procon alerta consumidor contra golpes aplicados por consórcios em Rondônia

Desde o início da pandemia de coronavírus, em março, até os dias atuais, a unidade local do Procon/RO registrou 1.290 reclamações

Envie seu Comentário