Objetos em tapeçaria do Projeto Reciclando Vidas estão em exposição no Ministério Público do Estado

Objetos em tapeçaria do Projeto Reciclando Vidas estão em exposição no Ministério Público do Estado

Objetos em tapeçaria dos internos do presídio Jorge Thiago Aguiar Afonso (603), que participam do “Projeto Reciclando Vidas”, estão expostos no edifício-sede do Ministério Público do Estado de Rondônia, em Porto Velho, até esta sexta-feira (1/11), das 7 às 13 horas. O Ministério Público do Estado de Rondônia é a primeira instituição pública a sediar uma mostra dos trabalhos dos internos.

A exposição reúne objetos como puffs, cadeiras, poltronas e jardineiras, com preços que variam entre R$ 40,00 a 250,00. Os trabalhos são produzidos por internos que participam das oficinas de tapeçaria e são beneficiados com a redução de um dia de pena a cada três dias trabalhados, além de gerarem renda para suas famílias.

De acordo com o agente penitenciário Gerson Galdino Ramos, atualmente quatro internos participam da oficina de tapeçaria, produzindo os mais variados tipos de objetivos em tapeçaria desde poltronas, cabeceiras de camas e sofás. “O Projeto de Reciclando Vidas” também desenvolve outras atividades como oficinas de conserto de motos e serralharia, dentro da proposta de promover a ressocialização dos internos.

Os interessados também podem encomendar seus móveis, entrando em contato com a direção da Unidade Prisional Jorge Thiago Aguiar Afonso.

Fonte: ASCOM/MPRO
Publicada em 31 de outubro de 2019 às 15:21

 

Leia Também

Prefeitura realiza tapa buraco, recapeamento e encascalhamento em diversas ruas da capital

Nesta segunda-feira o calendário contempla novas ruas e avenidas onde já foram iniciados os serviços

Escola do Legislativo capacita forças de segurança em Libras

Membros da PRF, PC, PM, Sejus e Detran foram certificados pela escola da Assembleia Legislativa na linguagem dos surdos

Assembleia da AROM reúnem vice-governador, deputados estaduais e federais e secretários de Estado

Durante a assembleia geral da Associação, o diretor executivo, Roger André, mostrou o trabalho desenvolvido ao longo do ano de 2019

Hospital Regional de Vilhena emite alerta sobre meningite

Cidade tem um caso confirmado e dois suspeitos: veja cuidados necessários

Envie seu Comentário