NATO saúda decisão de julgar suspeitos de abate de avião do voo MH17

NATO saúda decisão de julgar suspeitos de abate de avião do voo MH17

Saúdo o anúncio da Comissão Internacional de Investigação de que quatro suspeitos serão julgados por crimes relacionados com a queda do avião do voo MH17 da Malaysia Airlines em julho de 2014", disse, em comunicado, o secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO, na sigla inglesa), Jens Stoltenberg.

Esta decisão, salientou ainda, "é um marco importante nos esforços para ser revelada toda a verdade e assegurar que é feita justiça à morte de 298 pessoas de 17 países".

O anúncio foi feito hoje, em Haia, devendo o julgamento dos quatro acusados -- três ucranianos e um russo - iniciar-se em 09 de março de 2020.

Os réus serão julgados na Holanda pela autoria do ataque com um míssil que, em 17 de julho de 2014, matou os 283 passageiros (196 deles de naturalidade holandesa) e 15 tripulantes do voo MH17 da Malasyia Airlines, na zona de conflito armado no leste da Ucrânia, a zona separatista da antiga República soviética, quando viajava entre Amesterdão e Kuala Lumpur.

Segundo a Comissão Internacional de Investigação, liderada pela Holanda, o Boeing da Malasyia Airlies foi abatido por um míssil proveniente da 53.ª brigada antiaérea russa, baseada em Kursk (na Rússia).

Fonte: mundo ao minuto
Publicada em 19 de junho de 2019 às 10:07

 

Leia Também

Só este ano mais de 400 casos de sífilis são notificados em RO

Casos de sífilis em gestantes preocupam profissionais da saúde no estado. Porto Velho é a cidade com maior número de casos no estado.

Divulgado gabarito de provas da 1ª fase do concurso da prefeitura de Porto Velho; confira

No próximo domingo, dia 21/07, a prova será aplicada no turno da manhã para outros cargos

Eclipse parcial da Lua poderá ser visto de Porto Velho nesta terça-feira, 16

O eclipse lunar desta terça-feira é o último do ano. O próximo visível no Brasil será total e vai ocorrer apenas em maio de 2022

MP fiscaliza medidas para sanar demora no atendimento ortopédico em Vilhena

Foi solicitado também que o município informe se dispõe de médico Ortopedista, quer seja no quadro efetivo ou como terceirizado.

Envie seu Comentário