Fortalecimento da rede proteção a crianças e adolescentes em Rondônia

Fortalecimento da rede proteção a crianças e adolescentes em Rondônia

Em busca de efetivar políticas públicas que, de fato, beneficiem a sociedade rondoniense, o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, e a primeira-dama e secretária da Assistência e Desenvolvimento Social (Seas), Luana Rocha, implementaram o Programa Criança Protegida, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, e abriram, juntos, nesta quarta-feira (11), a capacitação de agentes públicos para fortalecer a rede de proteção a crianças e adolescentes.

‘‘Nós temos obrigação de proteger nossas crianças. É o momento de aprender e multiplicar as ações de bem para elas. Temos que trabalhar com prevenção para que amanhã essas crianças não venham sofrer traumas, problemas psicológicos, abusos ou até mesmo com o suicídio’’, afirma a secretária da Seas.

O governador reforçou que, assim que soube do programa, ficou encantado e tomou medidas imediatas para fazer acontecer em Rondônia.

‘‘Nós fomos o terceiro estado a aderir ao programa, mas somos o primeiro a implantar no Brasil. Nós precisamos cuidar de nossas crianças. Eu tive uma infância humilde e quando olho para trás vejo que Deus me preparou todos esses anos para que eu pudesse ser usado por Ele, agora, para ajudar e tudo que eu puder fazer pelo bem da sociedade, eu vou fazer. Nós vamos fazer nosso Estado se desenvolver e, consequentemente, o nosso país’’, disse o governador.

A programação da capacitação conta com palestras sobre o Programa de Proteção à Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte (PPCAAM), Fortalecimento do Sistema de Garantias de Direitos da Criança e do Adolescente, Lei sobre escuta especializada, prevenção de gravidez na adolescência; prevenção ao abuso sexual e em como lidar com a vítimas após o abuso.

Cerca de 500 técnicos da Seas, de Educação (Seduc), Saúde (Sesau) e da Segurança Pública (Sesdec), socioeducadores, Ministério Público e Tribunal de Justiça participam hoje e amanhã (12) das palestras de capacitação, no Ello Eventos, em Porto Velho.

ESFORÇO CONJUNTO

‘‘Esse projeto nasceu no Ministério da Família com a nossa ministra Damares e chegou aqui em Rondônia. Ela nos apresentou a proposta. Eu e o governador, de pronto, aceitamos participar desse programa. Nós acreditamos que essa capacitação vai trazer uma nova visão e uma metodologia melhor para cuidarmos de nossas crianças’’, disse Luana Rocha ao convidar a secretária adjunta da Seas, Liana Silva, e a equipe da Seas para subirem ao palco da solenidade de abertura da capacitação e agradecer pelo esforço conjunto em tornar o programa efetivo em Rondônia.

‘‘Esse evento só está acontecendo por causa da dedicação e esforço dessas pessoas. Nada mais justo que dar honra para quem tem honra’’. A secretária também agradeceu ao governador que entendeu que esse programa é essencial para avançar no fortalecimento da rede de proteção às crianças e adolescentes, e ainda a todos os envolvidos nesta missão.

O coordenador geral de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, Helbert Pitorra, fez a abertura das palestras. ‘‘Temos dados alarmantes do Disque 100, de crianças e adolescentes sendo mutilados em todo o Brasil, e Rondônia também. Precisamos reverter isso e a resposta está nas nossas mãos, temos a oportunidade de promover mudanças em Rondônia. Vamos transmitir conhecimento para sermos efetivos em nossas ações. Transformar vidas, essa é a nossa meta’’, afirma.

‘‘Eu, com a experiência de diretor de escola, sei quantas crianças chegam sofrendo, abusadas, às vezes dentro da própria casa. Elas precisam saber que existem pessoas boas, que podem contar com alguém. Essa união de esforços que nós estamos fazendo aqui é muito importante para termos uma sociedade melhor do que temos hoje. Façam o bem’’, disse o governador.

Fonte: Secom - Governo de Rondônia
Publicada em 11 de setembro de 2019 às 14:21

 

Leia Também

Mega-sena: sorteio neste sábado pode dar R$ 100 milhões

As apostas podem ser feitas até as 19h, em qualquer casa lotérica credenciada pela Caixa em todo o país.

Obra recebe adequações  e Praça do Beira Rio Cultural de Ji-Paraná será entregue em novembro

Com visual novo e aconchegante a praça do beira rio deverá atrair famílias, eventos e turistas

Novos professores de Rondônia são enquadrados na Carreira de Magistério Ensino Básico Técnico e Tecnológico

Enquadrando mais 19 professores de Rondônia no EBTT.

Hospital de Base e Cemetron abrem processo seletivo para programa de residência médica

Sesau oferece mais de 40 vagas para Porto Velho em várias áreas de especialidades médicas. Hospital Regional de Cacoal também está com processo seletivo aberto.

Envie seu Comentário