Doria: estudos da CoronaVac serão concluídos nesta semana e registro será pedido

Doria: estudos da CoronaVac serão concluídos nesta semana e registro será pedido

O governador de São Paulo João Doria (PSDB) disse nesta segunda-feira, 14, em entrevista coletiva, que estudos finais da CoronaVac deverão ser concluídos ainda esta semana. O governo adiou a divulgação dos resultados de eficácia da vacina Coronavac para submeter à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no dia 23 deste mês, os dados da análise final do estudo e não da chamada análise interina.

A ideia é requerer o registro final da vacina não apenas à Anvisa brasileira, mas aos órgãos correspondentes na China e em outros países o registro da vacina, a fim de que possa ser disponibilizada em larga escala.

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, disse que com o registro, essa vacina poderá ser exportada para todos os países e não ser utilizada apenas de maneira emergencial. "Ideia disponibilizar meio bilhão de doses da CoronaVac no 1º semestre de 2021", destacou, falando que a estratégia do adiamento da divulgação dos resultados foi nessa linha.

Doria começou a coletiva criticando, mais uma vez, o governo do presidente Jair Bolsonaro, a quem chamou novamente de negacionista. "Os óbitos decorrentes da covid-19 continuam crescendo, mas vemos negacionismo do governo federal e de seus extremistas", destacou. E lamentou que o governo federal não tem sequer a data do início de vacinação no País. "É preciso correr pela vida. Governo federal não tem sequer data início vacinação, é preciso correr pela vida."

O infectologista Jean Gorinchteyn, secretário estadual de Saúde do governo paulista, anunciou que em uma semana o número de óbitos cresceu 9%. Por isso, pediu que a população permaneça em quarentena e siga as regras sanitárias, como o uso de máscara. Na coletiva, Doria anunciou ainda a volta à coordenação do centro de contingência da covid-19 do médico Paulo Menezes.

Fonte: NOTICIAS AO MINUTO
Publicada em 15 de dezembro de 2020 às 09:55

 

Leia Também

Procon orienta população de baixa renda sobre direito à tarifa social na fatura de energia para evitar cortes até setembro

Programa de Tarifa Social de Energia Elétrica garante manutenção do consumo de energia mesmo estando inadimplente

Homem luta na Justiça para provar que ganhou R$ 18 milhões na Lotomania

Marcos Pessoa tenta atestar há 4 anos que houve erro na leitura do cartão de apostas dele

Porto Velho reduz faixa etária para vacinar pessoas acima de 32 anos com cadastro no SASI

A população do município deve seguir efetuando o cadastro no aplicativo SASI

Cremero descobre falsa médica dando plantão em Hospital de Campanha de Porto Velho

O inquérito foi encaminhado ao Ministério Público de Rondônia (MP-RO) que vai analisar a denúncia.

Envie seu Comentário