Deputado Jesuíno desmente publicações sobre nova pensão a deputados, membros do TJ, MP E TCE

Deputado Jesuíno desmente publicações sobre nova pensão a deputados, membros do TJ, MP E TCE

O deputado Jesuíno Boabaid (PMN) se manifestou na última segunda-feira (7) sobre os recentes ataques de uma página no facebook e um site do Estado, onde de acordo com este, está sendo alvo de ataques que tem como intenção manchar a conduta de um dos parlamentares, que mais trabalhou em prol da sociedade rondoniense nesta 9° Legislatura que findará dia 31 de janeiro deste ano.

Para Boabaid, o estopim para contestar publicamente nas redes essas acusações, foi a recente matéria onde ele é apontado como autor de um Projeto de Lei, que em tese regulamentaria uma nova pensão para deputados estaduais, além de membros e Conselheiros do Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas e Ministério Público.

“Quero deixar bem claro que em relação à essa matéria inverídica todas as medidas jurídicas serão tomadas quanto aqueles que estão ofendendo a minha honra e de minha família. Esse projeto é de minha autoria sim, mas não da forma que está sendo exposto por gente irresponsável nas redes sociais, já que esse benefício não é novo, pois está instituído na Constituição do Estado de Rondônia desde 1989 em seu artigo 268 e parágrafos que trata de um auxílio em decorrência de acidente que deixa incapacitado definitivamente ou morte. Não podemos aceitar que os fatos sejam distorcidos apenas para denegrir a minha imagem”, afirmou Jesuíno Boabaid.

Segundo o parlamentar, desde o final do ano passado ele vem sendo alvo de intensa perseguição, quando o colocaram como responsável por um suposto projeto que criaria mais remunerações aos parlamentares, projeto esse que também não foi de sua autoria e que visava a alteração de nomenclaturas e revogação de um parágrafo, que caso fosse detectado qualquer erro poderia ser revogado ou alterado.

Jesuíno ainda deixou o alerta à comunidade rondoniense, para analisar os fatos expostos na rede mundial de computadores, para não serem informados por “Fake News”, criados por pessoas sem escrúpulos que buscam acima de qualquer preço chegar à política local, mesmo que seja mentindo e difamando pessoas sérias e comprometidas com o dever público.

“A intenção dessas páginas e proprietários de alguns sites, que são pré-candidatos ao um cargo político é gerarem o caos espalhando Fake News e várias mentiras para crescerem politicamente “, finalizou Jesuíno.

Fonte: Assessoria
Publicada em 09 de janeiro de 2019 às 08:22

 

Leia Também

  Cirone Deiró e governador Marcos Rocha discutem fortalecimento das parcerias para os municípios

Municípios rondonienses ainda dependem da mão forte e amiga do governo do estado”, defendeu o deputado

Novo acordo da Lava Jato prevê devolução de R$ 819 milhões à Petrobras

Assinado no último dia 24 de junho, documento se refere a ilícitos cometidos por pessoas ligadas ao grupo Technip em prejuízo da estatal brasileira

Deputados aprovam indicada pelo governador para presidir a Funcer

Comissão de Educação e Cultura sabatinou Eluane Martins, que teve seu nome aprovado em plenário

  Indicado para comandar a Fease em Rondônia é sabatinado e tem nome aprovado na Assembleia Legislativa

Antônio Francisco foi ouvido na Comissão de Defesa da Criança, Adolescente, Mulher e Idoso

Envie seu Comentário