Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa aprova Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2020

Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa aprova Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2020

Na manhã desta terça-feira (03), o presidente da Comissão de Finanças, Economia Tributária, Orçamento e Organização Administrativa da Assembleia Legislativa de Rondônia, Ezequiel Neiva (PTB) colocou em votação o relatório do deputado Chiquinho da Emater (PSB), ao Projeto de Lei nº 322/2019, que “Estima a receita e fixa a despesa do Estado de Rondônia para o exercício financeiro de 2020. ” 

Segundo o relator, o Executivo estimou a Receita e fixou a Despesa do Estado para o exercício de 2020 no valor de R$ 8.539.766.630,00 (oito bilhões, quinhentos e trinta e nove milhões, setecentos e sessenta e seis mil, seiscentos e trinta reais), representando um acréscimo 4,27% (quatro inteiros e vinte e sete centésimos por cento), em relação ao previsto inicial para exercício de 2019 que foi de R$ 8.189.773.479,00 (oito bilhões, cento e oitenta e nove milhões, setecentos e setenta e três mil, quatrocentos e setenta e nove reais). 

Chiquinho apontou que o PL N° 322/2019 fixou a dotação das emendas parlamentares individuais em R$ 90.439.564,00 para atender o art. 136-A da Constituição Estadual de Rondônia, representando R$ 3.768.315,16 para cada parlamentar. O projeto recebeu ainda, sete emendas modificativas, das quais apenas quatro foram acatadas. 

O parecer foi aprovado por unanimidade pelos membros da comissão e agora segue para Plenário. 

Fonte: Decom-ALE/RO
Publicada em 03 de dezembro de 2019 às 13:52

 

Leia Também

ELEIÇÕES: Pimentel diz que prefeito não pode se omitir quanto a saúde da capital

O novo prefeito terá obrigatoriamente que usar forte poder de articulação, não apenas com os demais níveis de governo

Samuel Costa aplicará 100% do Fundeb para pagamento dos profissionais de educação

O Senado aprovou a PEC 26/2020, proposta de emenda à Constituição que torna permanente o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação

Empresário Fausto de Oliveira Moura que gravou prefeitos do interior já foi preso duas vezes por envolvimento em esquema de corrupção

O empresário vilhenense Fausto de Oliveira Moura foi o autor das denúncias que levaram a Justiça de Rondônia a decretar a busca e apreensão de quatro prefeitos, um deputado, e um ex-deputado estadual rondoniense, durante a Operação Reciclagem

Operação da Polícia Civil e MP cumpre mandados envolvendo vereadores de Urupá

Os mandados de busca domiciliares foram cumpridos em pontos diversos, sendo na residência de um vereador, no gabinete do presidente da Câmara

Envie seu Comentário