Hospital de Campanha não saiu por culpa do MP e do Tribunal de Contas, diz Jair Montes

Hospital de Campanha não saiu por culpa do MP e do Tribunal de Contas, diz Jair Montes

O deputado estadual Jair Montes fez uma revelação bombástica no final da manhã deste domingo 31.05 que vai dar o que falar. Segundo ele, o Ministério Público e o Tribunal de Contas PROIBIRAM a compra do Hospital de Campanha que daria uma sobrevida de 200 leitos hospitalares e UTI para pacientes infectados pelo COVID – 19, na cidade de Porto Velho. 

De acordo com o parlamentar, ele teve uma reunião na qual estiveram presentes o conselheiro Paulo Curi, do Tribunal de Contas, além das promotoras Emília e Flávia, na qual foi discutido e acordado que o hospital seria instalado ao lado do Cemetron. O hospital não foi construído e agora a capital está em pleno colapso da rede pública, sem condições de abrigar mais pacientes por falta de leito. 

Segundo Jair Montes, o Samar (Hospital Samaritano) e o Santa Marcelina foram alugados pelo Governo de Rondônia e o Hospital do Amor teve seus leitos alugados com dinheiro da Assembleia Legislativa. As instalações desse hospital estão chegando ao limite, junto com o Cemetron e não há mais espaço para criação de vagas para mais infectados. 

“Agora o povo não tem para onde ir. De quem é a culpa?. O cidadão para entrar na vida política tem que ter coragem, se não tiver coragem não entra na vida política. Perguntem para mim: deputado você não tem medo de falar? Não tenho medo de falar. Eu prefiro preso por defender o povo, defender a vida, me omitir, não sou covarde. E agora?”, questionou ele, referindo-se ao Governo do Estado.

VEJA O VÍDEO: 

Fonte: VIA RONDÔNIA
Publicada em 31 de maio de 2020 às 17:39

 

Leia Também

Léo Moraes lidera com larga vantagem intenções de voto para prefeito de Porto Velho

Cerca de 14,05% dos entrevistados disseram que não votaria em nenhum dos candidatos estimulados na pesquisa, ou anularia o voto

Prefeitura de Cacoal disponibiliza kit de medicamentos para pacientes com Covid- 19

Com apenas seis mortes registradas pela doença desde ó início da pandemia e, hoje com apenas quatro pacientes internados

Marcelo Reis dá parecer favorável para  criação de crédito a empreendedores  de pequeno porte em Porto Velho

Empréstimo é sem juros nenhum e empreendedor terá 1 ano de carência para pagar primeira parcela

Assembleia destrava pauta para votar Projeto Lei que garante descontos retroativos em instituições de ensino

A proposta trata dos descontos em instituições de ensino que tiveram suas aulas presenciais suspensas.

Envie seu Comentário