PRF prende 4 goianos por uso de documento falso e associação criminosa em Vilhena

PRF prende 4 goianos por uso de documento falso e associação criminosa em Vilhena

Um grupo composto por quatro homens foi preso por uma guarnição da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na tarde desta quinta-feira (12), em Vilhena (RO). Os indivíduos possuíam diversos documentos falsos e cometiam vários golpes contra terceiros.

Um carro de passeio, com placas de Brasília (DF), recebeu ordem de parada dos policiais quando transitava no km 1 da BR-364. O veículo era ocupado por 4 homens, todos moradores de Formosa (GO), que apresentaram nervosismo elevado em razão da fiscalização dos agentes, o que motivou o aprofundamento da abordagem.

Escondidos dentro do painel do carro, os policiais encontram 7 carteiras de trabalho e 15 documentos de identidade, todos falsificados e em nome dos 4 ocupantes. Além disso, foram encontradas diversas notas fiscais de bens comprados em nome de terceiros, deixando claro que os documentos falsos eram utilizados para cometer golpes em Porto Velho (RO).

No interior do carro e nos pertences dos homens, os agentes também encontraram celulares, agendas, cartões de crédito e um perfurador de placa. O grupo foi preso em flagrante pelos crimes de associação criminosa e uso de documento falso, previstos, respectivamente, nos artigos 288 e 304 do Código Penal.

Fonte: Assessoria
Publicada em 13 de dezembro de 2019 às 08:58

 

Leia Também

PRF apreende anabolizantes, arma de fogo e prende foragido em Porto Velho

Os flagrantes foram registrados após fiscalizações realizadas pelos policiais nas BRs 319 e 364­

Vários celulares e drogas são apreendidos dentro do Urso Panda

Celulares foram interceptados no pátio da penitenciária em Porto Velho

PRF recaptura 3 foragidos da Justiça durante fiscalização das BRs 319 e 364 em Rondônia

Os indivíduos foram presos em abordagens realizadas na capital do estado e em Pimenta Bueno

PRF prende jovem de 18 anos com moto adulterada em Porto Velho

Ao realizar a identificação veicular, a equipe policial notou que alguns dos sinais identificadores haviam sido suprimidos

Envie seu Comentário