PM prende quatro e fecha boca de fumo no Orgulho do Madeira

PM prende quatro e fecha boca de fumo no Orgulho do Madeira

Durante a Operação “Novun Genus”, realizada pela Polícia Militar na noite de segunda-feira (09) na Rua Osvaldo Ribeiro, entrada para o condomínio Orgulho do Madeira, zona Leste de Porto Velho, um homem de 33 anos foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

Conforme informações do Boletim de Ocorrência, os policiais militares faziam um comando de abordagens, quando um carro modelo Montana de cor branca foi parado. Durante revista veicular e pessoal os militares encontraram um revólver calibre 38 contendo cinco munições, sendo que apenas uma estava intacta.

O homem alegou que já tinha a arma há muito tempo e usava somente para defesa pessoal. Como não possuía registro e nem porte de arma, ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes.

Na mesma Operação, a Polícia também prendeu em flagrante um jovem de 23 anos acusado de tráfico de drogas que transitava de bicicleta pela localidade. Segundo informações, ao ver os policiais, o rapaz demonstrou nervosismo. Ao ser revistado, foram encontradas porções de maconha nas vestes dele.

Boca de Fumo

Já na madrugada desta terça-feira (10), uma boca de fumo que funcionava no condomínio Orgulho do Madeira, foi fechada pela Polícia e duas pessoas foram presas. Com apoio de uma equipe do Núcleo de Inteligência, os policiais abordaram a dupla e no apartamento de um deles foram encontradas quase 30 porções de maconha, dinheiro e  material usado para embalar a droga. O menor confessou o crime de tráfico e disse que vendia a mando do comparsa.

 

Fonte: Rondonoticias
Publicada em 10 de setembro de 2019 às 10:15

 

Leia Também

Vídeo: Adolescente teria matado a irmã e o sobrinho em área de loteamento de Porto Velho; bebê foi retirado a faca

O bebê foi encontrado na casa do delator, que teria entregue a criança para sua mãe.

Apenado do sistema prisional sai para encontro amoroso e é preso pela PRF em Porto Velho

O indivíduo, que cumpre pena por roubos no regime semiaberto, não poderia sair da sua residência, mas foi abordado quando seguia para um encontro amoroso, que havia combinado por meio de aplicativo de relacionamento

Professor de Natação é agredido por Juiz de Direito ao ser acusado de molestar seu filho

Na polícia, o pai contou que estava trabalhando quando sua mulher ligou nervosa e chorando muito, informando que o filho havia sido molestado sexualmente pelo professor de natação.

PRF prende dupla com caminhonete clonada em Ji-Paraná

Os dois homens, moradores do estado de Goiás, foram fiscalizados no km 352 da BR-364

Envie seu Comentário