Água tirada de poço era vendida como mineral aos consumidores em Rondônia

Água tirada de poço era vendida como mineral aos consumidores em Rondônia

A Polícia Civil do estado de Rondônia em ação conjunta com a Vigilância Sanitária fecharam mais um estabelecimento comercial que funcionava clandestinamente como distribuidora de água mineral, comercializando de forma ilegal o produto, assim como, sem autorização da Agência Nacional de Água (ANA) e sem o selo de controle dos órgãos municipais e estaduais. A água era comercializada ao custo de R$ 5,00 aos consumidores.

A ação conjunta da Polícia Civil e Fiscais da Vigilância Sanitária aconteceu na última terça-feira (14/05), em Extrema, Distrito do município de Porto Velho, após recebimento de denúncia. A equipe chegou ao local e flagrou o nacional Jonas R. L. comercializando os produtos de forma ilegal. Durante a abordagem foram apreendidos 145 galões cheios e prontos para comercialização, e mais 32 galões vazios. Os fiscais encontraram ainda alguns garrafões com o prazo de validade vencido. A Polícia recolheu cerca de 10 mil rótulos usados nas embalagens.

De acordo com informações policiais, o proprietário da empresa clandestina, foi autuado e proibido de produzir, armazenar e comercializar esse tipo de água. O acusado informou que o poço semiartesiano de onde a água era retirada ficava em um ramal, distante cerca de 32 km de Extrema. A equipe esteve no local e classificou como impróprio para essa atividade comercial, pois há indícios de contaminação da água que estava sendo comercializada.

Uma amostra de seis galões foi apreendida e levada para análise laboratorial na Capital. O restante do material apreendido foi recolhido ao depósito da 9º Delegacia de Polícia Civil, em Extrema.

Fonte: PC/RO
Publicada em 16 de maio de 2019 às 16:00

 

Leia Também

Na Capital: Cadeirante é preso após agredir e ameaçar a ex-esposa

A vítima contou aos policiais, que recebe ameaças de morte do agressor desde que se separou dele.

Passageiros de transporte coletivo são assaltados pela 2ª vez em menos de 1 mês na BR-364 em RO

Durante o assalto um dos ladrões chegou a disparar dentro do ônibus.

Empresário é executado a tiros dentro de seu estabelecimento e atirador filma tudo

O assassino que filma tudo chega no estabelecimento de uma oficina de moto peguntando pelo próprio nome da vítima, ao encontrá-lo efetua vários disparos e foge em seguida.

Incêndio criminoso destrói caminhão nessa madrugada no bairro Lagoa na capital

Um homem não identificado ateou fogo em caminhão estacionado na rua no bairro Lagoa.

Envie seu Comentário