Ponte sobre o rio Jamari, localizada na RO-459, em Alto Paraíso, não resiste à força da correnteza e desaba

Ponte sobre o rio Jamari, localizada na RO-459, em Alto Paraíso, não resiste à força da correnteza e desaba

Interditada há mais de um mês, a ponte sobre o rio Jamari, localizada na RO-459, não resistiu à força da correnteza e cedeu nesta semana em Alto Paraíso, no Vale do Jamari.

De acordo com o Departamento de Estradas de Rodagem, Infraestrutura e Serviços Públicos de Rondônia (DER-RO), o local só poderá ser avaliado após o nível do rio abaixar e não há previsão de quando a rodovia ficará trafegável novamente.

Para tentar amenizar os problemas, o diretor da 2ª Residência Regional do DER-RO em Ariquemes, Derson Celestino, informou que conversará com a direção-geral do departamento para verificar a possibilidade de usar uma balsa para fazer a travessia como meio provisório até a construção de uma nova ponte.

Por enquanto, o acesso até o município se dá pela RO-457, mais conhecida como Travessão B-40, mas por não ser pavimentada, as condições da estrada vicinal ficam precárias com as chuvas.

O DER-RO afirma que equipes realizam os trabalhos de raspagem na via para melhorar as condições do tráfego frequentemente. Ainda assim, os condutores acabam levando mais tempo para concluir o trajeto até a cidade.

Interdição da ponte

Os problemas com a ponte na RO-459 começaram em fevereiro com a enchente do rio Jamari e foi interditada pelo DER-RO no dia 7 de fevereiro

Fonte: G1
Publicada em 14 de março de 2019 às 16:45

 

Leia Também

Reintegração de posse em área federal é cumprida próximo a ponte do Rio Madeira

Os proprietários dos imóveis, onde funcionavam estabelecimentos comerciais, haviam sido notificados e não cumpriram as determinações

Nove testemunhas são ouvidas em júri de homem acusado de matar ex-mulher a tiros em RO

Réu ainda não foi interrogado e a previsão é de que o julgamento termine ainda nesta segunda-feira (25), segundo o TJ-RO

Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação nacional dia 30 de março

Governo federal monitora a situação, que tem sido discutida em grupos de WhatsApp da classe

Reforma pode gerar economia de R$ 300 bi em 20 anos para prefeituras

A estimativa é do presidente da entidade,Jonas Donizette, feita durante a 75ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos.

Envie seu Comentário