Na 4ª noite da “Operação Urgência” medidas são intensificadas para conter avanço da Covid-19 em Rondônia

Na 4ª noite da “Operação Urgência” medidas são intensificadas para conter avanço da Covid-19 em Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), sob a coordenação do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) realizou a quarta noite da “Operação Urgência” na terça-feira (6) para fiscalizar o cumprimento do Decreto nº 25.940, de 30 de março de 2021, com a missão de conter o avanço da Covid-19.

De forma estratégica, planejada e com ações de inteligência, o grupo percorreu as ruas de Porto Velho fiscalizando pontos alvos. Os supermercados, por exemplo, só podem, segundo o decreto, funcionar até às 21h, e conforme checagem, esses estabelecimentos têm cumprido a recomendação.

Mas, durante a operação houve flagrante de desrespeito às recomendações para evitar a proliferação do coronavírus. No Skate Park, local de lazer e pratica de atividades físicas e esportes da Capital, foi preciso dispersar um grupo significativo de pessoas que se aglomeravam no espaço.

Também houve registro do funcionamento de distribuidora de bebidas após o horário permitido e de restaurante servindo bebida alcoólica.

De acordo com o decreto, a venda de bebidas alcoólicas é permitida de segunda a quinta das 6h às 21h, e na sexta-feira até às 18h. Ficando proibida a comercialização a partir das 18h de sexta-feira até 6h de segunda-feira. O consumo no local está proibido, independente de dia ou horário.

O grupo também estava atento às denúncias. As averiguações dos casos relatados pela população foram feitas mostrando o trabalho de parceria com a população para o enfrentamento à pandemia. Com o aumento de casos da Covid-19, qualquer movimento maior de veículos em uma determinada localização ou barulho de música já deixa a vizinhança em alerta. A população pode ajudar a dispersar aglomerações fazendo denúncias por meio do 190 da Polícia Militar, do 193 do Corpo de Bombeiros Militar e do 197 da Polícia Civil.

“Parte da população continua não respeitando as restrições do decreto de enfrentamento à pandemia, continuam aglomerando, continuam não usando máscara, correndo assim risco de serem acometidos pela Covid-19. Então a gente continua com as atividades de orientação e fiscalização até a exaustão para conscientizar da necessidade de obedecer as regras diante da grande ocupação dos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e mortes pela doença”, disse o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel BM Gilvander Gregório de Lima.

“Desde o princípio, a Agevisa tem feito parte das operações e nós acreditamos que a educação mais do que nunca é primordial para vencermos a pandemia. A gente acompanha a operação com esse intuito educativo de conscientizar as pessoas que é um momento de estarem resguardadas, fazendo uso da máscara, higienizando as mãos, adotando todos os cuidados. Estamos avançando com a vacinação, mas enquanto não tem para todos, a prevenção é o melhor remédio”, avalia o diretor-executivo da Agência Estadual de Vigilância em Saúde( Agevisa), Edilson Batista.

Além do Corpo de Bombeiros Militar e da Agevisa, a operação conta com o apoio da Polícia Militar (PM), Polícia Civil (PC), da Superintendência Estadual de Comunicação (Secom), do Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) e da Prefeitura de Porto Velho, por meio do Departamento de Vigilância Sanitária e Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz). Desta vez o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) também integrou a equipe com a missão de aplicar as diretrizes da Lei Seca. Essa já é 41ª etapa de operações, sendo a 36ª desse ano.

BALANÇO

São mais 6.4 mil intervenções, somando todas as ações das operações desencadeadas desde dezembro de 2020. Já foram desencadeadas oito operações denominadas “Fase 3”; “3ª Onda”; “Decreto”; Consciência”; “Restrição”; “Alerta”; “Emergência” e a atual: Urgência.

Fonte: SECOM
Publicada em 07 de abril de 2021 às 08:25

 

Leia Também

“Operação Urgência” dispersa aglomerações na 6ª noite de atuação; equipes vistoriam todas as regiões de Porto Velho

Operação acontece em todas as regiões de Porto Velho, onde o que já se observa é a população começando a voltar à rotina da vida noturna

Em Ariquemes, PRF e PMRO apreendem 6,5 Kg de cocaína

O infrator e a droga foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil em Ariquemes para registro de ocorrência e posterior destinação. 

Software israelense que recuperou mensagens apagadas de Jairinho e Monique foi fundamental para a prisão do casal, diz delegado

Antenor Lopes diz que mensagens não deixam dúvidas de que Henry foi assassinado. Casal foi preso na manhã desta quinta-feira.

PRF não registrou mortes em Rondônia durante a Operação Semana Santa

De acordo com a PRF, mesmo com o aumento do fluxo de veículos em comparação ao mesmo período do ano passado

Envie seu Comentário