Mulher grávida pula do 2º andar para fugir de cárcere e agressão

Mulher grávida pula do 2º andar para fugir de cárcere e agressão

Uma mulher grávida, que era mantida em cárcere privado pelo seu ex-companheiro, pulou a janela do segundo andar para fugir das agressões do homem neste domingo (18/11/2019). Segundo reportagem do jornal O Tempo, ela era vítima de chutes contra a barriga, socos na cabeça e ameaças de morte. O caso aconteceu em Raposos, região metropolitana de Belo Horizonte.

O suspeito, na sequência, ainda pulou atrás dela e continuou a espancá-la. Ele só parou quando policiais que tentavam negociar a liberdade da mulher chegaram. A vítima tem 23 anos e foi socorrida e enviada ao posto de saúde municipal de Raposos e sobreviveu. Ainda não há informações sobre o estado de saúde do bebê, filho do agressor.

Vizinhos ouviram gritos
Ao ouvir os gritos e os pedidos de socorro da mulher, vizinhos da casa onde ela estava presa acionaram a Polícia Militar. À porta da residência, os policiais encontraram o suspeito agarrando a ex-companheira pelo pescoço, bem na janela.

Fonte: Metrópolis
Publicada em 18 de novembro de 2019 às 08:00

 

Leia Também

ACIDENTE FATAL: Mulher morre ao ser atropelada por ônibus da Eucatur em balsa do rio Madeira

Acidente foi na balsa que liga Rondônia ao Acre. PRF diz que duas vítimas foram atropeladas, mas uma sobreviveu.

Superintendência da PRF em Rondônia recebe palestras sobre suicídio policial

A ação está inserida no contexto do “Janeiro Branco” e tem o objetivo de abordar a importância do servidor ter cuidados relativos à saúde mental e emocional

Homem é executado enquanto dormia em cadeira de balanço

A vítima era morador de rua e teria sido atingida com um tiro na cabeça enquanto dormia, em Manaus (AM)

Carro roubado é recuperado pela PRF em Alto Paraíso

Na casa de um dos assaltantes envolvidos no roubo, os policiais ainda apreenderam três armas de fogo e mais de quatro mil reais

Envie seu Comentário