Deputado destina R$ 3 milhões para Saúde de Ji-Paraná

Deputado destina R$ 3 milhões para Saúde de Ji-Paraná

A Saúde de Ji-Paraná vai ganhar um reforço de R$ 3 milhões, fruto de emenda parlamentar do deputado federal Expedito Netto (PSD), após indicação do vereador Marcelo Lemos, do mesmo partido.

A primeira parte desse recurso, no valor de R$ 1,5 milhão, já está empenhada, aguardando a formalização da transferência do Fundo Nacional de Saúde (FNS) para o Fundo Municipal de Saúde (FMS). A segunda parcela deverá ser empenhada nos próximos 45 dias.

O valor será investido no custeio de serviços de assistência hospitalar de média e alta complexidade (MAC). O prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca (MDB), destacou que o recurso vem em hora oportuna.

"O foco no mundo está na Saúde. Aqui em Ji-Paraná não é diferente. Determinei que todas as secretarias municipais dessem apoio à Secretaria Municipal de Saúde [Semusa]. Esse recurso chega em boa hora, reforçando a Saúde de nosso município", afirmou Isaú Fonseca.

O vereador Marcelo Lemos, autor da indicação, agradeceu o deputado federal pela destinação da emenda parlamentar. "O deputado Expedito Netto ouviu nossos pedidos e, prontamente, destinou o recurso ao município. Isso demonstra que a Bancada Federal quer o melhor para nossa cidade", agradeceu Lemos.

Fonte: ASSESSORIA
Publicada em 02 de julho de 2021 às 12:54

 

Leia Também

13 municípios e quase mil famílias da agricultura familiar serão atendidos com indicação parlamentar do deputado Jair Montes

Parlamentar defende a necessidade de manter a agricultura familiar fortalecida

Presidente Alex Redano celebra a liberação de R$ 1 milhão para recuperação de estradas em Vale do Anari

Previsão é de que cerca de 100 quilômetros de vicinais no município sejam recuperados, com recursos destinados pelo Governo

Na Câmara Municipal, prefeito destaca harmonia entre os poderes e chama pessoas com menos de 30 anos para vacinar

Imunização dos jovens e a ameaça da variante Delta foram citados na sessão

Jhonny Paixão pede extensão do projeto

Na solicitação, o parlamentar cita que o público-alvo desses municípios, ou boa parte dessas famílias já estão cadastradas no CadÚnico, e na base de dados do Sistema Prato Fácil

Envie seu Comentário