Moradores da Comunidade São João 1 e 2 denunciam intimidação e ameaças por suposto proprietário da terra

Moradores da Comunidade São João 1 e 2 denunciam intimidação e ameaças por suposto proprietário da terra

Grupo de seguranças acompanhado de oficial de justiça aterroriza moradores, enquanto vereadores prometem apoio para restabelecer ordem

Na manhã desta quinta-feira, (16), os moradores da Comunidade São João 1 e 2, localizada na BR-319, km 1.5, sentido Humaitá, próximo à Vila do DNIT em Porto Velho, foram surpreendidos por uma ação truculenta que deixou a comunidade em estado de alerta. Um grupo de seguranças, acompanhado de um suposto oficial de justiça, realizou intimidações e ameaças contra os moradores, gerando pânico e revolta na região.

A reportagem do site Via Rondônia foi acionada pelos moradores para denunciar a forma violenta promovida pelo suposto proprietário do local, identificado apenas como Diogo. Vídeos que circulam em grupos de WhatsApp mostram Diogo usando palavras de baixo calão e ameaçando os moradores que residem há décadas na comunidade São João.

Diante das constantes ameaças, um grupo de moradores decidiu buscar apoio na Câmara Municipal no início desta semana. A maioria dos vereadores se sensibilizou com a situação e prometeu apoio para restabelecer a ordem nas Vilas.

Uma pesquisa realizada pela equipe do Via Rondônia nas redes sociais revelou que o suposto proprietário das terras é casado com a advogada Quilvia Carvalho, atualmente exercendo o cargo de procuradora do município de Ariquemes na gestão da prefeita Carla Redano. Há indícios de que Quilvia estaria utilizando seu poder como procuradora para ameaçar os moradores juntamente com seu esposo.

Diante dessas denúncias graves, a comunidade aguarda medidas urgentes por parte das autoridades competentes para garantir a segurança dos moradores da Comunidade São João 1 e 2. O caso segue em investigação, e a população espera por uma resposta rápida e eficaz para cessar as intimidações e garantir a tranquilidade na região.

Fonte: Via Rondônia
Publicada em 16 de May de 2024 às 12:49

 

Leia Também

Estratégias de monitoramento do Governo de RO revelam presença de espécie rara em reserva estadual

As câmeras foram posicionadas por técnicos da Coordenadoria de Unidades de Conservação (CUC)

Justiça confirma a matrícula de lote de 100 hectares em  área objeto de  reintegração de posse  na margem do Rio Madeira, em Porto Velho

Decisão judicial confirma propriedade contestada e encerra décadas de disputas com alegações de fraude documental e erro registral.

Lula lamenta Eletrobras privada e cobra Vale para reparar tragédias

A Eletrobras foi privatizada em 2022 pelo governo de Jair Bolsonaro

Musk defende uso de IA na criatividade e deixa recado para marcas que baniram publicidade no X

Musk enfatizou que as companhias que serão fortes no futuro serão justamente as que melhor se adaptarem a essa nova realidade

Envie seu Comentário