Governo de Rondônia estuda reajuste da tarifa do transporte intermunicipal

Governo de Rondônia estuda reajuste da tarifa do transporte intermunicipal

O Governo do Estado, por meio da Agência de Regulação de Serviços Públicos Delegados do Estado de Rondônia (Agero), estudará o pedido de reajuste em 10%, da tarifa no transporte rodoviário intermunicipal de passageiros em Rondônia.

Segundo nota técnica, a concessão utilizará os índices até os meses de maio e junho de 2020 e se fundamentará em análises do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e da Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT).

O pedido de reajuste foi solicitado pelo Sindicato das Empresas de Transporte Rodoviários de Passageiros do Estado de Rondônia (Sinetrer). Segundo a entidade, o período desse pedido “está atrelado à pandemia (Covid-19)”. Conforme o Sinetrer, houve perda de arrecadação e aumento de despesas.

A  atualização dos valores do Coeficiente Tarifário do Transporte (assim denominado tecnicamente) chegou à Agero acompanhada de dados, informações técnicas, documentos contábeis, resumo e planilha.

Conforme a Agero, o reajuste tarifário ocorre anualmente, para restabelecer o poder de compra das empresas transportadoras, quanto aos insumos necessários à prestação de qualidade dos serviços de transporte intermunicipal de passageiros. A atualização se deve também aos efeitos da inflação.

Fonte: SECOM
Publicada em 10 de agosto de 2020 às 13:10

 

Leia Também

Polícia Civil de Rondônia orienta população sobre como identificar cédulas falsas de R$ 200

Entre os pontos de identificação da nota estão as inscrições República Federativa do Brasil, o número 200 e a imagem do lobo guará, tudo em alto relevo

Fhemeron realiza coleta de sangue itinerante no município de Cerejeiras

De acordo com o vice-presidente, o estoque de sangue durante a pandemia está sempre no limite, e os doadores ficam receosos em ir até o hemocentro.

Instituto de Pesos e Medidas interdita bomba de combustível irregular em Porto Velho

O posto com irregularidade tem dez dias corridos para realizar a manutenção na bomba medidora junto à empresa responsável

Prefeitura alerta sobre cadastro em novo sistema de bilhetagem

É necessária a mudança do cartão tendo em vista que o sistema de bilhetagem é diferente do Consórcio SIM e, com isso, não haverá compatibilidade com o COM Card

Envie seu Comentário