Jesuino Boabaid comenta mudança de nomenclatura dos datiloscopistas

Jesuino Boabaid comenta mudança de nomenclatura dos datiloscopistas

O deputado Jesuíno Boabaid (PMN) usou a tribuna em sessão parlamentar na tarde desta terça-feira (6) para falar sobre a mudança de nomenclatura dos datiloscopistas do Estado para Peritos Papiloscopistas.

O parlamentar afirmou que peritos criminais estavam passando nos gabinetes dos deputados com um documento, onde afirmava que a mudança do nome dos datiloscopistas teria impacto financeiro e daria até transposição de cargos “estavam fazendo terrorismo na cabeça dos deputados”, afirmou Jesuíno.

Ele falou sobre a Audiência Pública realizada em 2015 que abordava o assunto. “Ali eu fiz um compromisso que se o governo do Estado encaminhasse a presente lei a Casa eu iria votar favorável e defender a mudança sem qualquer problema”.

Boabaid deixou claro aos colegas que fiquem tranquilos na votação, porque o parecer jurídico feito pelo promotor Fábio Henrique Pedrosa deixa claro o não acarretamento de despesas financeiras ou transformação de cargos.

“O que queremos é dar dignidade para essas pessoas que há 30 anos fazem um serviço de investigação com maestria”, destacou o parlamentar.

Fonte: Isabela Gomes
Publicada em 06 de novembro de 2018 às 17:54

 

Leia Também

Credenciamento para imprensa cobrir posse do governador será realizado na ALE

Profissionais da imprensa somente terão acesso ao local devidamente identificados

Anderson do Singeperon indica aplicação de lista tríplice na escolha dos gestores de unidades prisionais

Agentes Penitenciários anseiam por um mecanismo que traga mais participação

Deputado Adelino participa da abertura do Natal em Ariquemes

Cerimônia é marcada pela atração da maior árvore de Natal do Estado; parlamentar também visitou escolas

Corregedoria-Geral do MP promove Capacitação na Área de Atuação Extrajudicial

O curso tem como público-alvo Promotores de Justiça em estágio probatório do Ministério Público de Rondônia, membros convidados dos Ministérios Públicos dos Estados do Acre, Amazonas e Mato Grosso, além de Procuradores e Promotores de Justiça que atuam na área extrajudicial

Envie seu Comentário