Ibope: em 5 dias, rejeição a Haddad sobe 11 pontos e vai a 38%

Ibope: em 5 dias, rejeição a Haddad sobe 11 pontos e vai a 38%

Enquanto os demais candidatos à Presidência mantiveram índices de rejeição estáveis, Fernando Haddad (PT) viu sua rejeição subir 11 pontos percentuais em cinco dias, conforme pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (1º).

Na pesquisa Ibope de 26 de setembro, a rejeição de Haddad era de 27%. Já nesta segunda, o índice é de 38%.

Jair Bolsonaro (PSL), que lidera a pesquisa com 31% das intenções de voto, é o candidato mais rejeitado, com 44%. No entanto, a taxa de rejeição de Bolsonaro manteve-se.

Marina Silva (Rede) viu sua rejeição passar de 27% para 25%, Ciro Gomes (PDT) foi de 16% a 18% e Geraldo Alckmin (PSDB) manteve 19%.

Marcia Cavallari, diretora-executiva do Ibope Inteligência, disse à GloboNews que o crescimento da rejeição de Haddad pode estar ligado a uma rejeição ao próprio PT e é um reflexo da exposição do petista na campanha e dos ataques que ele vem sofrendo dos adversários.

Fonte: Notícias ao Minuto
Publicada em 02 de outubro de 2018 às 13:41

 

Leia Também

Expedito Júnior é condenado pela 2ª vez a não utilizar o nome de Bolsonaro

A juíza eleitoral Rosemeire Conceição dos Santos Pereira de Souza indeferiu pela segunda vez o pedido de utilização da imagem do candidato a presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) pelo candidato ao Governo de Rondônia, Expedito Júnior (PSDB)

Maurão de Carvalho diz que matéria sobre fechamento da casa de apoio em Barretos é mentirosa e maldosa

Ele garantiu manter casa funcionando até final do ano e que busca parcerias para seguir com o abrigo aos pacientes com câncer

Jesuíno realiza audiência para apurar providências adotadas quando ao voto em trânsito de PMs

Número de policiais militares que ficou sem votar ainda não foi divulgado

Jesuíno Boabaid critica comando da PM e cita possível conspiração

Parlamentar informou que 300 policiais militares teriam ficado sem votar

Envie seu Comentário