Trabalhar muitas horas provoca queda de cabelo, diz estudo

Trabalhar muitas horas provoca queda de cabelo, diz estudo

 

Um estudo recente, publicado na revista científica Annals of Occupational and Environmental Medicine, concluiu que existe uma relação entre o número de horas de trabalho e a queda de cabelo. 

A pesquisa revelou que os homens entre os 20 e os 30 anos que trabalhavam pelo menos 52 horas semanais, perdiam o cabelo mais rapidamente do que aqueles que tinham um horário de trabalho regular.

Para chegar a estes resultados, a equipe estudou 13391 empregados, divididos em três grupos: aqueles que trabalhavam 40 horas semanais, os que trabalhavam 52 horas, e os que trabalhavam mais do que 52. O primeiro grupo registrou um aumento de dois por cento na queda de cabelo, o segundo de três por cento, e o último de quatro.

Segundo os pesquisadores sul coreanos, o estudo teve também em conta as variáveis do seu estilo de vida e o estado civil. Mas a conclusão permanece a mesma: trabalhar demais e não ter horas de lazer danifica os folículos e causa a queda de cabelo.

Fonte: Minutos Ao Minutos
Publicada em 06 de novembro de 2019 às 21:56

 

Leia Também

Luísa Sonza defende Whindersson após comentário de Roberta Miranda

Luísa Sonza, que recentemente anunciou o fim do casamento com ele, saiu em defesa do ex

Teatros da Broadway permanecerão fechados até 6 de setembro

Uma das atrações turísticas mais populares de Nova York, os teatros tinham estabelecido, anteriormente, uma data de reabertura provisória para 7 de junho

Twitter vai deixar que funcionários trabalhem de casa para sempre

Companhia de mídia social afirma que não vai reabrir a maior parte de seus escritórios antes de setembro e equipes trabalharão remotamente

Fernando de Noronha consegue zerar casos e volta a

Desde abril, moradores viviam em isolamento. Eles preenchiam formulários via internet para solicitar autorização para sair de casa

Envie seu Comentário