Prefeito Hildon Chaves é alertado sobre coação eleitoral de servidores municipais

Prefeito Hildon Chaves é alertado sobre coação eleitoral de servidores municipais

A Procuradoria Regional Eleitoral recebeu denúncias de que servidores públicos comissionados do Município de Porto Velho estão sendo coagidos a participarem de reuniões políticas, atos de campanha e terem seus veículos plotados com propaganda de um dos candidatos ao cargo de governador de Rondônia. Essas práticas são proibidas pela legislação eleitoral e podem configurar abuso de poder político.

Por essa razão, a Procuradoria Regional Eleitoral expediu uma recomendação ao prefeito Hildon Chaves, alertando-o para não permitir que os servidores municipais sejam coagidos - de forma expressa ou implicitamente - a apoiar, participar de atos ou eventos políticos, adesivar veículos ou trabalhar na campanha de qualquer candidato. O prefeito tem prazo de 24 horas para responder sobre o cumprimento da recomendação.

Na recomendação também consta que o prefeito deve esclarecer os servidores de que a participação em eventos políticos é proibida durante o horário de expediente normal, bem ainda que, fora do horário de expediente, a participação dos servidores deve ser voluntária e opcional.

Outro ponto da recomendação destaca que mesmo a participação voluntária e sem remuneração devem ser declaradas à Justiça Eleitoral como doação estimável em dinheiro, na modalidade “prestação de serviços próprios”, por meio de recibo assinado pelo doador. A doação acima dos limites legais é punida com multa.

A Procuradoria Regional Eleitoral alerta também que os responsáveis por abuso de poder político nas eleições podem ser punidos com cassação de registro ou diploma, se eleito, e inelegibilidade por oito anos. O abuso de poder político ocorre quando a estrutura da administração pública é utilizada em benefício de determinado candidato ou como forma de prejudicar a campanha de adversários, inclusive quando servidores são coagidos por seus superiores a aderir a determinada candidatura.

Os cidadãos podem colaborar com o Ministério Público Eleitoral por meio de denúncias através do e-mail prero@mpf.mp.br; do formulário eletrônico no endereço cidadao.mpf.mp.br; comparecendo pessoalmente na sede do MPF (avenida José Camacho, 3307, bairro Embratel, em Porto Velho) ou nas promotorias de Justiça do interior de Rondônia, ou enviando mensagens, fotos e vídeos no Whatsapp (69) 98431-9783.

Fonte: MPF
Publicada em 24 de outubro de 2018 às 19:16

 

Leia Também

UBS Albert Sabin realizará programação especial ao combate à hanseníase em Rolim de Moura

A doença tem cura e não deixa sequelas quando detectada, diagnosticada e tratada rapidamente após os primeiros sintomas

Defesa Civil evita ocupações de risco com demolição de casas abandonadas

São casas que já foram desocupadas por famílias beneficiadas pelo Programa Habitacional, após a cheia do Rio Madeira no ano de 2014/ 2015

TCE valida concurso público da Prefeitura de Vilhena e emite documento atestando legalidade do certame

Tribunal de Contas analisou o edital do concurso e garantiu que “não houve irregularidades” que o maculem

Banda Vai Quem Quer comemora aniversário neste sábado, na Praça das Três Caixas D’água

Os quatro próximos sábados serão de eventos do bloco, entre as 12h as 22h

Envie seu Comentário