Objetos em tapeçaria do Projeto Reciclando Vidas estão em exposição no Ministério Público do Estado

Objetos em tapeçaria do Projeto Reciclando Vidas estão em exposição no Ministério Público do Estado

Objetos em tapeçaria dos internos do presídio Jorge Thiago Aguiar Afonso (603), que participam do “Projeto Reciclando Vidas”, estão expostos no edifício-sede do Ministério Público do Estado de Rondônia, em Porto Velho, até esta sexta-feira (1/11), das 7 às 13 horas. O Ministério Público do Estado de Rondônia é a primeira instituição pública a sediar uma mostra dos trabalhos dos internos.

A exposição reúne objetos como puffs, cadeiras, poltronas e jardineiras, com preços que variam entre R$ 40,00 a 250,00. Os trabalhos são produzidos por internos que participam das oficinas de tapeçaria e são beneficiados com a redução de um dia de pena a cada três dias trabalhados, além de gerarem renda para suas famílias.

De acordo com o agente penitenciário Gerson Galdino Ramos, atualmente quatro internos participam da oficina de tapeçaria, produzindo os mais variados tipos de objetivos em tapeçaria desde poltronas, cabeceiras de camas e sofás. “O Projeto de Reciclando Vidas” também desenvolve outras atividades como oficinas de conserto de motos e serralharia, dentro da proposta de promover a ressocialização dos internos.

Os interessados também podem encomendar seus móveis, entrando em contato com a direção da Unidade Prisional Jorge Thiago Aguiar Afonso.

Fonte: ASCOM/MPRO
Publicada em 31 de outubro de 2019 às 15:21

 

Leia Também

Ministério Público de Rondônia empossa cinco Promotores de Justiça Substitutos

Após prestarem juramento, sob a condução do Procurador de Justiça Jair Tencatti, eles assinaram os termos de posse e receberam suas credenciais de Promotor de Justiça.

Prefeitura e parceiros seguem no atendimento aos indígenas

Foram levados para fazer o Cadastro Único (CadÚnico) para Programas do Governo Federal, entre os quais, Bolsa Família e auxílio moradia

Nota Esclarecimento de Eustáquio Chaves Godinho

Cumpre esclarecer que não estou sendo acusado de corrupção pela direção nacional do INCRA, e não respondo a quaisquer processo administrativo disciplinar pelo órgão.

Prefeitura divulga serviços que funcionarão no feriado prolongado

Escalas de plantões elaboradas previamente garantem a continuidade dos serviços essenciais

Envie seu Comentário