‘Não podemos analisar a reforma da previdência como política partidária’, alerta Gurgacz

‘Não podemos analisar a reforma da previdência como política partidária’, alerta Gurgacz

O Senador da República Acir Gurgacz (PDT-RO) no último dia (9), após os comentários dos colegados de senado Paulo Paim (PT-RS) e Eduardo Girão (PODE-CE), referente a Reforma da Previdência e os seus respectivos impactos socioeconômicos aos trabalhadores. O legislador federal pedetista do Estado de Rondônia foi enfático quanto ao processo de votação da matéria no senado.

De acordo com Gurgacz, é preciso ouvir o funcionalismo público brasileiro e os trabalhadores da iniciativa privada. Sem esses preceitos fundamentais para o bom andamento da pauta no senado federal, segundo Acir, é temerário que o rumo do projeto seja para satisfazer a política do governo e não do trabalhador brasileiro.

– Nós temos uma consultoria fantástica aqui no senado, exemplar à nível de país. Vamos pedir a eles os detalhes dessas mudanças, pois assim podemos discutir de forma ampla – Disse o pedetista. No âmago da visão legislativa de Acir Gurgacz, é preciso sim fazer a Reforma da Previdência, mas em consonância com os trabalhadores, isto é, a permanência do diálogo em busca do resultado satisfatório para todos e não para projeto político partidário governamental.

– Estou aqui para aprovar aquilo que é de melhor para a sociedade brasileira – alertou o senador Acir Gurgacz os demais colegas de parlamento sobre o sistema de votação da Reforma da Previdência na Casa de Leis do Brasil.

 

Fonte: Assessoria
Publicada em 13 de agosto de 2019 às 16:33

 

Leia Também

Prefeito Leomar Patrício domina as prévias das eleições majoritária em Machadinho

Apesar da maioria das intenções de voto, a eleição não seria confortável, já que seus dois prováveis opositores, também obteriam quantidade expressiva de votos do eleitorado.

Prefeito Vistoria obras na zona Sul da cidade

O prefeito vistoriou as ruas dos Lírios, Cravo, Copaíba, Girassol, Renascer, Sorocaba e Telã

Energisa é uma vergonha para Rondônia, repudia Nazif

Segundo Mauro Nazif, após as promessas da empresa que se instalou em Rondônia no final de 2018, a Energisa fez um reajuste tarifário de 27% na conta dos contribuintes

Prefeito salientou que novo prédio garante dignidade para as crianças

O prédio tem 10 salas climatizadas, sala de professores, biblioteca, cozinha, refeitório, auditório, banheiros com acessibilidade e espaço para recreação

Envie seu Comentário