Mulher é agredida pelo companheiro por causa de ´compras desnecessárias´

Mulher é agredida pelo companheiro por causa de ´compras desnecessárias´

Uma mulher de 36 anos foi agredida pelo marido com socos, na noite de domingo (17), em uma residência do Bairro São Francisco, em Porto Velho. Segundo a Polícia Militar (PM), o suspeito de 21 anos atacou a vítima depois de considerar que ela fez 'compras desnecessárias' para casa.

Aos policiais, a esposa do jovem contou que após chegar em casa com as compras, o marido começou a reclamar e a xingá-la. Na sequência o rapaz deu vários socos na esposa.

Para se defender do ataque, a mulher pegou um lixador de unha e perfurou o braço do marido. A vítima então correu para dentro de um quarto e trancou a porta.

A PM foi chamada ao imóvel do casal e os policiais encontraram o suspeito do lado de fora, com uma lesão no braço. Já a vítima continuava trancada no quarto com várias lesões no corpo.

De acordo com boletim de ocorrência, como havia lesões no corpo do marido e esposa, os dois receberam voz de prisão por lesão corporal e foram levados à Central de Polícia de Porto Velho.

Fonte: G1 RO
Publicada em 18 de novembro de 2019 às 10:38

 

Leia Também

Funcionários da Energisa recebem voz de prisão ao trocar relógio-medidor de residência

A polícia militar conduziu todos os envolvidos para a central de polícia.

Polícia Militar do Estado de Rondônia monta estratégia para intensificar segurança neste fim de ano

A Operação Fim de Ano Seguro será lançada no dia 16 de dezembro, às 8 horas, em frente ao Comando-Geral da PM, com foco em proporcionar e ampliar sensação de segurança pública, através das medidas planejadas.

PRF encontra mais de 70 kg de cocaína em carreta com fundo falso

Mesmo questionado pelos policiais, o homem não informou qual seria o destino da carga nem quanto receberia para realizar o transporte

PF desarticula esquema de pagamento de propina a servidores do INCRA, cumpre 5 mandados de prisão e 15 de busca e apreensão

Durante as investigações foi identificado mais de meio milhão em propina para pelo menos seis servidores do INCRA

Envie seu Comentário