Greve dos agentes penitenciários chega ao terceiro dia consecutivo e segue forte em todo Estado

Greve dos agentes penitenciários chega ao terceiro dia consecutivo e segue forte em todo Estado

A greve dos agentes penitenciários e socioeducadores do Estado de Rondônia chega nesta quinta-feira ao terceiro dia consecutivo. Em Porto Velho, os servidores concentram o movimento na Estrada da Penal. Foram ainda afixadas faixas em frente aos presídios.

Eles garantem que o movimento só teve início por causa do descaso do governo, que insiste em não cumprir a decisão judicial, em um acordo que foi oferecido à categoria pelo próprio Estado.

“Nosso salário é o pior do País. Por conta disso, conforme a deliberação da classe, estamos todos em greve em todo o Estado por tempo indeterminado”, enfatizou a presidente Singeperon Dahiane Gomes.

Na manhã de terça-feira (12), o desembargador Roosevelt Queiroz Costa, do Tribunal de Justiça de Rondônia, disse que os efeitos de uma liminar concedida por ele há cerca de dois anos, estão em pleno vigor e que a greve deflagrada por agentes penitenciários é inconstitucional.

De acordo com a presidente do sindicato da categoria, os servidores estão firmes e fortes, na certeza de que não há vitórias sem lutas, muito menos conquistas sem batalhas. O movimento já tomou grandes proporções na capital e nos demais municípios do interior do Estado.

"Quem não luta pelos seus objetivos, quem aceita as arbitrariedades e todas essas ilegalidades que estão cometendo contra nossa categoria, quem não se levanta, não tem porque reclamar do seu destino. Quem não luta pelos seus direitos não é digno dele”, disse a presidente do sindicato.

O governo informou que estão suspensas, todas as tratativas quem vem sendo realizadas pelo Governo do Estado de Rondônia a fim de resolver a solicitação de realinhamento na forma solicitada pelo Sindicato.

Fonte: Viarondonia
Publicada em 14 de março de 2019 às 09:37

 

Leia Também

Reintegração de posse em área federal é cumprida próximo a ponte do Rio Madeira

Os proprietários dos imóveis, onde funcionavam estabelecimentos comerciais, haviam sido notificados e não cumpriram as determinações

Nove testemunhas são ouvidas em júri de homem acusado de matar ex-mulher a tiros em RO

Réu ainda não foi interrogado e a previsão é de que o julgamento termine ainda nesta segunda-feira (25), segundo o TJ-RO

Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação nacional dia 30 de março

Governo federal monitora a situação, que tem sido discutida em grupos de WhatsApp da classe

Reforma pode gerar economia de R$ 300 bi em 20 anos para prefeituras

A estimativa é do presidente da entidade,Jonas Donizette, feita durante a 75ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos.

Envie seu Comentário