Governo pede que agentes penitenciários retornem ao trabalho para que haja novo diálogo

Governo pede que agentes penitenciários retornem ao trabalho para que haja novo diálogo

O secretário-chefe da Casa Civil, Pedro Antônio Pimentel, concedeu entrevista à imprensa no final da manhã desta quinta-feira (14), no Palácio Rio Madeira. disse que ficou surpreso com a presença de agentes penitenciários nas escadarias do prédio central Rio Pacaás Novos por não haver nenhuma reunião marcada para hoje com dirigentes do Sindicato da categoria.

Durante a entrevista, o secretário-chefe da Casa Civil falou sobre a determinação do Poder Judiciário dizendo que a greve é ilegal e, sendo ilegal, os servidores estão desobedecendo a lei. “O Estado apresentou propostas ao Singeperon que foram recusadas naquela ocasião. Dessa forma, então, por determinação judicial, após os agentes penitenciários retornarem na sua totalidade ao trabalho, o Estado poderá voltar ao diálogo com a categoria”, enfatizou.

Essa é a segunda vez que o Tribunal de Justiça reforça a ilegalidade do movimento grevista dos agentes penitenciários.

Fonte: Secom
Publicada em 14 de março de 2019 às 15:17

 

Leia Também

Reintegração de posse em área federal é cumprida próximo a ponte do Rio Madeira

Os proprietários dos imóveis, onde funcionavam estabelecimentos comerciais, haviam sido notificados e não cumpriram as determinações

Nove testemunhas são ouvidas em júri de homem acusado de matar ex-mulher a tiros em RO

Réu ainda não foi interrogado e a previsão é de que o julgamento termine ainda nesta segunda-feira (25), segundo o TJ-RO

Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação nacional dia 30 de março

Governo federal monitora a situação, que tem sido discutida em grupos de WhatsApp da classe

Reforma pode gerar economia de R$ 300 bi em 20 anos para prefeituras

A estimativa é do presidente da entidade,Jonas Donizette, feita durante a 75ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos.

Envie seu Comentário