Criança cai do 9º andar após levar surra dos pais

Criança cai do 9º andar após levar surra dos pais

Um garoto de 8 anos caiu do 9º andar de um prédio em Enerhodar, Ucrânia, após levar uma surra dos pais. Segundo vizinhos, após o menino chegar da escola, os pais começaram a discutir e bateram nele. Logo depois, viram o corpo do menino cair da janela do prédio.

“Passaram alguns segundos e ouvi um terrível barulho. Foi quando o corpo caiu no chão. Olhei pela janela da minha cozinha e vi o garoto. Em seguida, chamei a ambulância e a polícia”, contou Zhanna, vizinha do apartamento ao jornal Daily Mail.

Os médicos da ambulância ainda tentaram reanimar o menino, mas já era tarde demais. A polícia conduziu os pais para a delegacia. No local, eles confessaram que bateram no menino, mas disseram que foi Anton que pulou da janela do quarto logo depois. Ainda no depoimento, afirmaram que batiam regularmente no menino, pois ele se “comportava mal”.

Os pais não foram presos, mas deve ser, inicialmente, indiciados por abuso de menor e, segundo as leis do país, podem pegar até cinco anos de prisão. Depois de prestarem depoimentos, eles deixaram o apartamento e saíram da cidade. O caso ocorreu no fim de agosto, mas só foi divulgado pelas autoridades agora.

Fonte: Metrópoles
Publicada em 19 de setembro de 2019 às 16:09

 

Leia Também

3 foragidos da justiça são presos em menos de 8 horas pela PRF

Os indivíduos, que eram procurados por homicídio, porte ilegal de arma de fogo, furto e receptação, foram flagrados em abordagens realizadas na capital e em Pimenta Bueno; um dos homens foi preso enquanto almoçava na rodoviária

PRF prende foragido da justiça durante fiscalização a táxi

O homem, que confirmou aos agentes responder há 2 anos pela prática de estupro de vulnerável, foi preso em flagrante.

PRF recupera moto roubada em Itapuã do Oeste

O veículo, que era conduzido por um inabilitado, ainda ostentava uma placa adulterada, com o objetivo de ludibriar a fiscalização policial

PF desmonta quadrilha que movimentou R$ 230 milhões em ouro

De acordo com as investigações, o grupo é formado por venezuelanos e brasileiros que inclusive enviaram o minério extraído de forma ilegal ao exterior

Envie seu Comentário