Casal é preso por porte ilegal de arma de fogo e cultivo de maconha no distrito de São Marcos

Casal é preso por porte ilegal de arma de fogo e cultivo de maconha no distrito de São Marcos

Uma mulher de 36 anos e um homem de 25 foram presos por porte ilegal de arma de fogo no início da noite de terça-feira (6) no distrito de São Marcos zona rural do Vale do Anari (RO) distante aproximadamente 350 quilômetros de Porto Velho. Na casa também foram encontradas duas plantas aparentando ser maconha.

De acordo com ocorrência, uma denuncia anônima descrevia que em uma residência no distrito de São Marcos, na zona rural do Vale do Anari, estava acontecendo o cultivo de maconha em um tambor. Durante o dia ficava no quintal e a noite era colocado dentro da residência.

Na casa, os policiais abordaram um homem e informaram a mulher sobre a denúncia de cultivo de maconha. Ela negou e disse que só tinha uma espingarda embaixo da cama. Durante buscas no quintal da residência, foi encontrado o tambor com terra dentro, sem nenhuma vegetação, mas, próximo a ele foram localizados duas vasilhas com mudas aparentando ser maconha. Perguntado a suspeita que planta seria aquela ela disse desconhecer, falando que havia encontrado a semente no meio do mato e resolveu plantar.

A arma e as plantas apreendidas foram apresentadas juntamente com os suspeitos na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) em Machadinho d’Oeste.

Fonte: jaruonline
Publicada em 08 de novembro de 2018 às 08:58

 

Leia Também

PRF prende 19 foragidos na primeira quinzena de novembro em Rondônia

Três dos indivíduos foram recapturados nas 34 horas iniciais de atividades da Operação Proclamação da República, que começou às 0h de quinta-feira (14) e seguirá até às 23h59 do próximo domingo (17)

Homem invade casa da ex-mulher tenta esfaquea-la em Porto Velho

O suspeito chegou na casa da vítima, chutou a porta do local e pegou uma faca para ferir a mulher. Ele foi imobilizado por vizinhos da vítima.

Dupla monitorada por tornozeleira eletrônica, foi presa após assalto em Ariquemes.

Segundo uma das vítimas do crime, um dos suspeitos estava armado. Dupla, que já era monitorada por tornozeleira eletrônica, foi presa em Ariquemes.

Criança é morta pela mãe após ter negado limpar a casa de madrugrada

A mulher acordou o filho por volta das 4h30, que se recusou a limpar a casa. “Ela então deu duas cintadas nele, que correu para o quintal. Em seguida, ela o executou”, completou.

Envie seu Comentário