700 novos alunos: rede municipal de educação tem 22 turmas a mais em 2019

700 novos alunos: rede municipal de educação tem 22 turmas a mais em 2019

As aulas na rede municipal de Educação de Vilhena começaram neste mês com 700 alunos a mais. A secretaria de Educação ampliou duas turmas de ensino infantil, seis turmas de 1º ao 5º ano e 14 novas turmas de 6 ao 9º ano, totalizando 22 novas turmas. O objetivo foi ampliar as vagas para crianças a partir de dois anos até adolescentes em várias escolas, acompanhando o crescimento da cidade.

“Fizemos remanejamento de alunos e ampliamos nossos atendimentos, inclusive às crianças de dois anos que agora serão atendidas tanto na escola Aparecida quanto na escola Mario Grasso”, comemorou o secretário de Educação e professor Clésio Costa.

Os cerca de 12 mil alunos da rede contam também com reformas e reparos nas escolas neste início de ano, em prevenção às intensas chuvas, e boa parte deles deve ser beneficiado com climatização.

Mais qualidade no ensino e conforto para os alunos são duas metas importantes do plano da atual gestão para a Educação municipal. “Salas climatizadas são um compromisso de nossa gestão e para o início do ano letivo já passa a ser realidade nas escolas Maria Paulina Donadon, Omar Godoy e Cristo Rei”, conta o prefeito Eduardo Japonês.

Fonte: Semcom
Publicada em 11 de fevereiro de 2019 às 09:33

 

Leia Também

A pedido de motoristas de aplicativos, Semtran realiza fórum sobre atividades da categoria

Mais de 50 motoristas acompanharam discussões, sugestões e formas de atuar na cidade

Cremero notificará autoridades sobre a falta de médicos no departamento de Neonatologia do HB

Foram encontradas irregularidades em quase todos os setores dentro do departamento

Ministério Público é vencedor do Prêmio CNMP 2019 na categoria Indução de Políticas Públicas

O anúncio dos vencedores do Prêmio CNMP 2019 ocorreu na manhã desta quinta-feira (22/8)

Secretaria Municipal de Educação inicia mobilização para a elaboração do Referencial Curricular

A BNCC está sendo discutida com os profissionais da educação municipal

Envie seu Comentário