Instituto de Pesos e Medidas interdita bomba de combustível irregular em Porto Velho

Instituto de Pesos e Medidas interdita bomba de combustível irregular em Porto Velho

O Instituto de Pesos e Medidas do Estado de Rondônia (Ipem-RO) interditou bomba de combustível na cidade de Porto Velho, durante operação especial de fiscalização.

Atendendo denúncia enviada ao Instituto através de suas redes sociais, a ação tem o objetivo de evitar fraudes na quantidade de combustível que é entregue ao consumidor. “Foi encontrada uma medida abaixo da tolerância permitida na bomba de diesel”, explicou o diretor técnico do Ipem-RO, Igor Argento.

O posto com irregularidade tem dez dias corridos para realizar a manutenção na bomba medidora junto à empresa responsável, para retornar ao seu pleno funcionamento. “O objetivo é identificar se o reparo foi feito de maneira correta”, acrescentou Argento.

Até o momento, o Instituto realizou 2.003 vistorias em bombas de combustível em 2020.

O consumidor que encontrar ou suspeitar de alguma irregularidade em postos de combustível pode relatar o ocorrido à Ouvidoria do Ipem-RO, pelo e-mail ouvidor@ipem.ro.gov.br ou pelos telefones (69) 98479-9055 / 0800 647 2777.

Fonte: SECOM
Publicada em 25 de setembro de 2020 às 09:39

 

Leia Também

Unicef lança recomendações contra covid-19 aos candidatos a prefeito

Entre as recomendações da publicação, crianças e adolescentes devem ser prioridade nas eleições municipais.

Anvisa: testes com vacina de Oxford prosseguem mesmo após morte de voluntário

Não há confirmação se o voluntário que faleceu recebeu placebo ou uma dose do imunizante.

TCU aponta falhas do Ministério da Saúde no combate à pandemia de covid-19

Auditores apontaram que o ministério não prestou informações suficientes para que se possa concluir se a estratégia de testagem dos casos suspeitos de covid-19 é satisfatória.

Estado do Rio registra 109 mortes e 1.319 novos casos de covid-19 em 24 horas

Até agora, 19.945 pessoas morreram em função do coronavírus no Estado do Rio

Envie seu Comentário