ExporPorto é lançado em Porto Velho; chamamento público convida artesãos e trabalhadores manuais

ExporPorto é lançado em Porto Velho; chamamento público convida artesãos e trabalhadores manuais

Rondônia é rica em manifestação cultural. Isso porque os diversos tipos de demonstrações culturais estão presentes aqui. Para reforçar esta afirmação, o governo de Rondônia, por meio da Superintendência da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), em parceria com a Subsecretaria Municipal de Serviços Básicos (Semusb), através do Departamento de Posturas Urbanas, abre chamamento público para convidar artesãos e trabalhadores manuais para participar da 1º Edição da ExpoPorto, que acontece de 2 a 6 de outubro no Parque dos Tanques em Porto Velho.

Para os artesãos serão disponibilizadas 36 vagas, sendo distribuídas no espaço de 3 m² para cada artesão classificado de forma individual. Das vagas, 26 são destinadas para artesãos cadastrados no Programa de Artesanato Brasileiro ou Carteira Nacional do Trabalhador Manual, de forma individuais, e outras 10 para o artesãos que não possuem cadastro.

Toda documentação deve ser entregue em envelope lacrado no Departamento de Posturas Urbanas – Divisão de Fiscalização de Espaços Públicos, que fica na rua Aparício de Moraes nº 3616 – Bairro Industrial, até esta quinta-feira (19) das 8h as 13h.

Entre as obras os artesãos devem expor peças em madeira, acessórios/vestuários/adornos, indígena, sementes, cerâmica, entalhes em madeira, quilombola. 

Segundo o superintendente da Sejucel, Jobson Bandeira, a feira agropecuária tem uma importância gigantesca para a cultura popular, além de movimentar a economia.

“A capital rondoniense precisava do retorno da festa agropecuária, isso representa movimento para economia e fortalecimento da cultura. O Governo de Rondônia vem trabalhando forte para que a primeira edição seja um sucesso e que a nossa população possa contar com mais uma festa no calendário da cidade ”, disse.

Com a preocupação de transformar a arte em fonte de renda para os artesãos, o governo do Estado investe em ações de comercialização do artesanato, através do Programa do Artesanato Brasileiro de Rondônia (PAB – RO). Além de forte característica cultural e grande ligação com setor turístico, o artesanato vem se tornando um importante segmento da atividade econômica no Estado.

Fonte: Secom - Governo de Rondônia
Publicada em 19 de setembro de 2019 às 17:20

 

Leia Também

Prefeitura atende MP e retira  ambulantes de vias públicas

Foram retirados ambulantes que há anos ocupavam parte da rua Barão do Rio Branco e da Ladeira da José Bonifácio

Força-Tarefa do MP realiza reunião com hospitais particulares para intercâmbio de informações entre redes de saúde pública e privada

Na reunião, os representantes dos hospitais particulares relataram que já se encontram com 100% de ocupação de seus leitos de UTI

Experiências de agricultores de Rondônia serão aplicadas por meio de projeto em intercâmbio entre Brasil e Colômbia

Dois projetos de Rondônia estão entre os escolhidos, um sobre o café, do produtor rural de Cacoal, Ronaldo Bento, referência na produção de café com sustentabilidade

Unidades de segurança pública de Rondônia recebem desinfecção contra o coronavírus

Desde o dia 30 de maio esse trabalho está sendo realizado, onde já completou o ciclo com abrangência em todas as unidades.

Envie seu Comentário