Implantação e Núcleos de Projetos são metas do Planejamento Estratégico do Governo do Estado

Implantação e Núcleos de Projetos são metas do Planejamento Estratégico do Governo do Estado

A implantação e fortalecimento de Núcleos de Projetos nas nove regiões que dividem o Estado de Rondônia tornaram-se uma das metas do novo Planejamento Estratégico do Governo do Estado. Na última semana, a Secretaria Executiva de Jaru (SER), responsável por articular políticas de desenvolvimento e integração nos municípios de Jaru, Governador Jorge Teixeira, Theobroma, Vale do Anarí e Machadinho D’Oeste, formalizou as atividades do núcleo ao realizar o I Módulo de capacitação para representantes dos principais órgãos do executivo que possuem polo na região, prefeituras, câmaras, assessores parlamentares, entre outros.

O secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), Pedro Pimentel, explica que até o final do ano todas as secretarias regionais deverão realizar os três módulos da capacitação como forma de garantir a qualidade dos vários projetos voltados ao terceiro setor e prefeituras por meio de convênios e editais regidos pela Lei Complementar 13.019. Esta lei estabelece o regime jurídico das parcerias entre a administração pública e as organizações da sociedade civil. “Estamos em constante busca pela ampliação do leque de ações das secretarias regionais para que atendam, dentro de suas competências, a integração e o desenvolvimento regional”, destacou o titular de planejamento.

O coordenador das secretarias regionais, Natan Oliveira, lembra que o fomento ao terceiro setor é um dos principais focos da coordenação das regionais. “Trata-se de um público mais necessitado de ações no sentido de apoio em capacitações. Desta forma, as instituições poderão organizar-se melhor e, como resultado, obterem mais recursos para transformarem suas produções”, disse Natan.

O I módulo foi ministrado pelo técnico de Jaru, Luiz Fernando de Camargo, que ressaltou a importância da relação institucional através do núcleo, proporcionando investimento no capital humano do governo para servir melhor a sociedade. O secretário regional, Anderson Dias, esteve presente em toda programação e destacou que “este arranjo institucional tem que ter governança local, pois são as pessoas que vivem na região que sabem dos reais problemas e necessidades”.

Os núcleos de projetos foram implantados nas regiões de Rondônia em 2017 e já resultaram em diversas ações como desenvolvimento de agroindústrias, incentivo à agricultura familiar, trabalho de ressocialização, desenvolvimento do turismo, entre outros.

As sedes das secretarias regionais são coordenadas pela Sepog e estão nos municípios de Ariquemes, Jaru, Ouro Preto do Oeste, Ji-Paraná, Cacoal,  Vilhena, Rolim de Moura, São Francisco, Guajará-Mirim e Porto Velho. Todos os municípios e seus respectivos distritos são envolvidos nas ações desenvolvidas pela secretaria da sua região.

Fonte: Secom - Governo de Rondônia
Publicada em 19 de setembro de 2019 às 10:42

 

Leia Também

Ação conjunta do Estado e município cria hospital de campanha em Guajará-Mirim

Além de ceder profissionais para auxiliar nas orientações de enfrentamento à pandemia no município

Deputados destacam atuação do presidente em destinar recursos para aluguel de leitos no Hospital de Amor

Jair Montes, Jhony Paixão, Adelino Follador, Alex Redano e Ezequiel Neiva destacaram a firmeza do presidente da Assembleia, Laerte Gomes

Governo executa serviços para garantir acesso às comunidades quilombolas no Vale do Guaporé

Com uma extensão de 45 quilômetros, os trabalhos na linha 95 garantem melhor acesso da BR-429 ao Rio Guaporé

Porto Velho inicia testagem rápida da  Covid-19 em pacientes sintomáticos

Movimentação nas unidades de saúde foi tranquila no primeiro dia de testes

Envie seu Comentário