Enfermagem deve iniciar greve na sexta-feira

Enfermagem deve iniciar greve na sexta-feira

Servidores do quadro de enfermagem estadual paralisaram ontem suas atividades durante uma hora em frente ao pronto-socorro João Paulo II, para dar início a um indicativo de greve da categoria por tempo indeterminado. O ato é uma resposta à Secretaria de Estado da Saúde que pretende aumentar o número de plantões, em desrespeito total à legislação, usando o nome do Tribunal de Contas. 

O movimento foi encabeçado pelo sindicato da categoria, o Sinderon, que desmentiu os argumentos da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) de que os enfermeiros estão se opondo ao ponto eletrônico. “A secretaria está querendo nos jogar contra a população. Trabalhar e cumprir horário nunca foi problema para a enfermagem”, disse o presidente do Sinderon, Charles Alves. 

A paralisação de ontem já sinalizou que a categoria pretende encampar a greve e na sexta-feira, uma assembleia deve apenas ratificar essa decisão. “A tendência é de greve. A categoria entendeu que não pode mais ser submetida a uma carga estressante de trabalho, dentro de hospitais insalubres e sem realinhamento salarial há 10 anos. A Sesau sabe das peculiaridades da legislação, mas se faz de desentendida, ressaltou. 

O Sinderon está formando a Comissão de Greve e apenas aguardando o decurso do prazo e está aguardando uma audiência com o secretário Fernando Máximus nas próximas 72 horas. Se isso não ocorrer, a próxima semana já inicia com a greve da categoria. “Esperamos que a população compreenda a situação que estamos enfrentando porque estamos buscando melhorias que vão impactar até no funcionamento das unidades”, finalizou Charles.

Fonte: VIA RONDÔNIA
Publicada em 18 de setembro de 2019 às 10:57

 

Leia Também

Prefeitura atende MP e retira  ambulantes de vias públicas

Foram retirados ambulantes que há anos ocupavam parte da rua Barão do Rio Branco e da Ladeira da José Bonifácio

Força-Tarefa do MP realiza reunião com hospitais particulares para intercâmbio de informações entre redes de saúde pública e privada

Na reunião, os representantes dos hospitais particulares relataram que já se encontram com 100% de ocupação de seus leitos de UTI

Experiências de agricultores de Rondônia serão aplicadas por meio de projeto em intercâmbio entre Brasil e Colômbia

Dois projetos de Rondônia estão entre os escolhidos, um sobre o café, do produtor rural de Cacoal, Ronaldo Bento, referência na produção de café com sustentabilidade

Unidades de segurança pública de Rondônia recebem desinfecção contra o coronavírus

Desde o dia 30 de maio esse trabalho está sendo realizado, onde já completou o ciclo com abrangência em todas as unidades.

Envie seu Comentário