Não foi por falta de aviso e agora quem vai pagar a conta?- Por Rubson Luiz

Não foi por falta de aviso e agora quem vai pagar a conta?- Por Rubson Luiz

O anúncio feito pelo Grupo Energisa, que comprou a Eletrobrás Rondônia por um preço irrisório, de que a conta de energia em Rondônia será reajustada em 25% causou espanto apenas para aqueles de memória curta. Em abril desse ano, um parecer do Tribunal de Contas da União (TCU) já alertava o Governo Federal sobre essa real possibilidade.

O parecer questionou o modelo adotado para leiloar as seis distribuidoras da Eletrobrás (inclusive a de Rondônia) pois a União entregaria um patrimônio de mão beijada seis empresas a um preço de R$ 5,4 bilhões. O prejuízo pela “venda casada” das empresas causou um prejuízo superior a R$ 10 bilhões. Deu no que deu e agora vem aí mais um “superaumento”.

O TCU justificou que parte dos passivos remanescentes das distribuidoras da Eletrobras será apropriada à parcela A da tarifa de energia, que corresponde aos custos não gerenciáveis, provocando aumento da conta de luz. Ou seja, toda a dívida que as estatais têm serão repassadas aos consumidores através da tarifa de energia.

E agora quem vai pagar essa conta?

Fonte: Rubson Luiz
Publicada em 12 de dezembro de 2018 às 15:31

 

Leia Também

Diretoria dos Progressistas se reúne em Porto Velho para definir planejamento estratégico de 2019

No planejamento está a retomada dos cursos gratuitos para a população

Prefeitura de Ji-Paraná modifica semáforo para aumentar a segurança no trânsito

A mudança é necessária, pois é uma reivindicação antiga da população

Assembleia Legislativa inaugura nova e moderna sede na terça-feira

Solenidade será conduzida pelo presidente da ALE, Maurão de Carvalho

Com apoio da iniciativa privada, Prefeitura fará projeto paisagístico no viaduto da Jatuarana

Além da iluminação, local ficará ainda mais bonito com plantas e árvores floríferas

Envie seu Comentário