Ação contra ndrangheta prende mafiosos na América do Sul

Ação contra ndrangheta prende mafiosos na América do Sul

APolícia de Estado e a Guarda de Finanças da Itália executaram nesta quarta-feira (5) 90 mandados de prisão contra supostos membros da 'ndrangheta, a máfia da região da Calábria, e suas ramificações no exterioa operação foi realizada em colaboração com as autoridades de Alemanha, Holanda, Bélgica e de alguns países da América do Sul, em inquérito coordenado pela Direção Nacional Antimáfia e Antiterrorismo (DNA).

PUBLICIDADE

Os detalhes das prisões ainda serão divulgados pelas autoridades italianas, mas os suspeitos são acusados de crimes como associação mafiosa, lavagem de dinheiro e tráfico internacional de drogas.

Segundo a Polícia, clãs da 'ndrangheta baseados na região metropolitana de Reggio Calabria, em uma área conhecida como Locride, administravam uma rede de tráfico de drogas que partia da América do Sul, chegava à Itália e seguia para o norte da Europa, especialmente Alemanha, Holanda e Bélgica.

Cidadãos turcos transportavam as drogas de caminhão e carro para os países de destino a partir dos portos italianos. "Megaoperação com 90 prisões na Itália, Holanda, Alemanha e América do Sul. Obrigado às forças de ordem e aos investigadores, sempre na linha de frente na luta contra as máfias", disse o ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini.

Embora menos famosa mundialmente que a Cosa Nostra, da Sicília, e a Camorra, de Nápoles, a 'ndrangheta também forma a tríade das principais máfias da Itália, com tentáculos que chegam a diversas regiões do mundo. (ANSA)

Fonte: Noticia ao Minuto
Publicada em 05 de dezembro de 2018 às 09:49

 

Leia Também

Rolim de Moura - Vândalos invadem e unidade de saúde do Cidade Alta não terá atendimento hoje

Em decorrência, os atendimentos serão realizados normalmente somente a partir de terça-feira.

Garota de programa aciona a PM após ter sido estuprada e agredida por portador de HIV

A situação ocorreu na noite de domingo (23). O suspeito do crime ainda não foi preso.

Suspeito de estuprar netas é internado ao ter o pênis decepado

Ele era procurado pela polícia por, supostamente, ter estuprado as netas de 5 e 6 anos de idade.

Homem é brutalmente assassinado com nove tiros na frente da mãe e esposa

quando um homem passou em uma motocicleta e o reconheceu.

Envie seu Comentário