Justiça do Trabalho lança nesta sexta-feira a 3ª Edição da campanha Rapunzel Solidária em apoio à pacientes com câncer

Justiça do Trabalho lança nesta sexta-feira a 3ª Edição da campanha Rapunzel Solidária em apoio à pacientes com câncer

A Justiça do Trabalho em Ariquemes/RO realiza nesta sexta-feira (05) a abertura oficial da 3ª Edição do “Rapunzel Solidária”, programa de responsabilidade socioambiental do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região que visa a assistência aos pacientes em tratamento de câncer. O evento que acontece na sede do Fórum Trabalhista de Ariquemes/RO, às 9h, contará com serviços de medição de pressão arterial e glicemia, palestra sobre prevenção e apresentação do projeto para os profissionais da imprensa local.

Em alusão ao Outubro Rosa e Novembro Azul, a iniciativa acontece em parceria com a Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB/RO (Comissão da Mulher Advogada) OAB Mulher e visa atender a Associação de Amigos do Combate ao Câncer de Porto Velho (AACC).

A campanha irá receber até 30 de novembro de 2018 doações de adereços para cabelo (toucas, echarpes, lenços e apliques), agasalhos masculino e feminino e kits de higiene pessoal (toalhas de rosto, sabonete em barra/sabonete líquido, escova de dentes, pente/escova de cabelo, papel higiênico, creme dental, fio dental, desodorante, absorvente, perfume, cotonete, xampu, condicionador, lenços umedecidos, talco, álcool gel, lâmina de barbear e fraldas descartáveis adulto), além de mechas de cabelos para que sejam confeccionadas perucas, e toda arrecadação será entregue em novembro para a AACC. As doações serão recebidas na Sede do Fórum Trabalhista, sito à avenida Juscelino Kubitschek, nº 2351 - Setor Institucional, OAB, Prime Studio Hair e Instituto de Beleza Inês Cabeleireiros.

“No ano passado mudamos um pouquinho os itens arrecadados para abranger produtos de higiene, além das mechas de cabelo e dos acessórios para cabelo que nós coletamos na 1ª Edição. Esse ano nós vamos manter esses novos itens, pois são muito utilizados pelos pacientes, tanto homens quanto mulheres que estão em tratamento durante o câncer”, disse a diretora de Secretaria da 1ª Vara do Trabalho de Ariquemes/RO, Bianca Padilha.

Informações sobre os cabelos a serem doados – A mecha deve ter no mínimo de 10 a 20 centímetros, dependendo de cada instituição, o cabelo doado pode ter química ou ser tingido. Na hora de cortar, amarre o cabelo com um elástico bem preso para garantir que os fios não se soltem e corte um centímetro acima do elástico. É importante que o cabelo esteja completamente seco, já que pode mofar se estiver molhado ou úmido.

“Imaginávamos que seria um projeto pequeno, mas na 1ª Edição já fomos surpreendidos. O projeto tomou proporção muito grande e isso fez com que nós tivessemos vontade de continuar, devido à receptividade da população de Ariquemes/RO e toda a região. E agora estamos indo para a 3ª Edição muito satisfeitos. E isso faz com que a gente mantenha o projeto vivo e auxilie os pacientes que estão em tratamento do câncer, tanto em Porto Velho quanto em outras localidades. As doações são mais direcionadas para nossa região, mas quando há possibilidade de estender para as demais regiões, nós fazemos as doações dos itens que não foram utilizados aqui. O projeto é local, mas atinge pacientes de todo o país”, concluiu a diretora.

O projeto “Rapunzel Solidária” foi criado pela Justiça do Trabalho em Ariquemes, com o apoio integral da administração do Tribunal, tendo como objetivo aumentar a autoestima e mudar o visual de mulheres diagnosticadas com algum tipo de câncer.

Fonte: Assessoria
Publicada em 05 de outubro de 2018 às 09:12

 

Leia Também

 Festa do Guerreiro passa ser Patrimônio Cultural com aprovação do projeto do deputado Dr. Neidson

Parlamentar defende conscientização do valor cultural que o evento indígena representa para Rondônia

Jogos Universitários é instituído no calendário de eventos do Estado

Projeto de autoria do deputado Léo Moraes foi aprovado em sessão ordinária da ALE

ALE derruba veto do Executivo e garante o porte de arma aos agentes de segurança socioeducativo

Projeto do deputado Anderson do Singeperon tinha sido vetado pelo Poder Executivo

 Assinado protocolo que consolida a implantação da rádio e TV Assembleia

Presidente da Assembleia assinou o documento que garante a efetivação das transmissões em rádio e TV

Envie seu Comentário